João destaca TAC ‘a dez mãos’ com MPs e diz: “Governo não vai parar”

“O Governo continuará governando e tomando as medidas necessárias para o melhor funcionamento”. A afirmação é do governador João Azevêdo (PSB) ao tratar sobre os desdobramentos da Operação Calvário na Paraíba. Ainda conforme o gestor, o governo segue com ações que visam o aprimoramento de contratos e acompanhamento.

+ MPPB desmente operação do Gaeco e RC decide processar quem criou fake news

“Entretanto, não se pode imaginar pelo fato de existir um processo, que está sendo investigado, paralisar o Estado. Isso não vai ocorrer de forma nenhuma. No caso do Trauma, é esse exemplo que estou dando, mesmo com todos os questionamentos que segmentos estão fazendo, estamos com o hospital funcionando a toda carga”, destacou João.

Ele ainda ressaltou  a ação do Governo do Estado junto aos Ministérios Públicos para regulamentar contratos via Organizações Sociais. “Sentamos com todos os ministérios públicos e, a dez mãos, construímos um termo de ajustamento de conduta estabelecendo como deveria ser os critério para que se evitasse possíveis discussões futuras sobre essa relação. Isso foi uma precaução do Estado e de todos os ministérios”, disse.

“O Estado participou da elaboração do TAC”, destacou João, rechaçando a teoria de que o Estado teve obrigação em assinar o termo.

Comente