Aluno em greve de fome sofre convulsões e é levado para emergência do HU

0

Um dos quatro estudantes que estão acorrentados à entrada da reitoria há uma semana em greve de fome, passou mal. O estudante de Serviço Social Daniel teve convulsões e precisou ser levado à emergência do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW).

Devido a demora na chegada do atendimento, o jovem foi levado ao HU em outro veículo.

Leia mais:

Reitora da UFPB diz que grevista passou mal por dispensar atendimento médico
Reitora da UFPB não compreende greve de fome: “um dos alunos é beneficiado”
Alunos da UFPB mantêm greve de fome e se reúnem para decidir ocupação da reitoria
Universitários fazem greve de fome em protesto contra precariedades na UFPB
UFPB é tão frágil quanto alunos que estão em greve de fome, diz vice-reitor

Minutos depois, a equipe médica chegou ao local mas foi avisada que o estudante já havia seguido para o HULW.

O fato ocorreu durante a visita da reitora da UFPB Margareth Diniz aos estudantes do movimento grevista. Ela estava acompanhada por auxiliares e não interveio nem se manifestou na ocasião.

Reunião

Na tarde desta segunda-feira (29), a partir das 15h, acontece uma reunião convocada pela reitora da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) Margareth Diniz, em conjunto com representantes da Defensoria Pública da União (DPU), Ministério Público Federal (MPF), Procuradoria da UFPB, equipe de pró-reitores, Direitos Humanos, Associação dos Docentes da UFPB (Adufpb), Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Superior da UFPB (Sintespb), Diretório Central de Estudantes (DCE) e estudantes.

O objetivo é dar encaminhamento às reivindicações dos estudantes que estão acampados na rampa da reitoria.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here