ALPB aprova atendimento prioritário para mães e pais de autistas em estabelecimentos

0

A Assembléia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou o projeto de lei 1.350/2017, de autoria do deputado estadual Bruno Cunha Lima (PSDB), que determina a inserção do símbolo mundial do autismo nas placas que sinalizam atendimento prioritário em estabelecimentos públicos e privados. A iniciativa garante o atendimento prioritário para pais e acompanhantes de autistas e agora irá para a sanção do Executivo.

A matéria determina que os estabelecimentos públicos e privados devem fixar em local visível, placas com o símbolo mundial do autismo, com o objetivo de proporcionar o atendimento prioritário. O não cumprimento acarretará multa de R$ 1.417,8 (30 UFRs) e o valor deve ser recolhido ao Fundo Estadual de Assistência Social.

O símbolo do autismo que teve constar nas placas de atendimento prioritário é uma fita formada com peças coloridas de quebra-cabeças, que representam a complexidade do autismo.

Dados – A Organização Mundial da Saúde, OMS, calcula que o autismo afeta uma em cada 160 crianças no mundo. A condição chamada de transtorno do espectro autista geralmente tem início na infância e persiste durante a adolescência e vida adulta. Estima-se que no Brasil existem dois milhões de autistas, e o que torna a questão mais grave é o preconceito e a falta de tratamento adequado. As pesquisas ainda revelam que os meninos são mais afetados pelo transtorno do que as meninas.

Comente

Antares

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here