MPPB investiga possíveis irregularidades em licitação de mais de R$ 1 milhão na Prefeitura de Mataraca

Uma licitação da Prefeitura de Mataraca, feita em 2019, que gira em torno de mais de R$ 1,1 milhão está sob suspeita de irregularidades. O caso se tornou alvo do Ministério Público da Paraíba (MPPB), que instaurou um Procedimento Preparatório, nesta segunda-feira (16), para investigar possíveis atos ilícitos na gestão do prefeito Egberto Madruga (PTB).

“Necessidade de apurar possíveis irregularidades na realização do Pregão nº 00007/2019, realizado pela Prefeitura Municipal de Mataraca”, versa trecho da portaria.

O contrato seria para aquisição de materias de limpeza, de forma parcelada para a Prefeitura de Mataraca. O valor da licitação, conforme consta do Sistema de Acompanhamento da Gestão dos Recursos da Sociedade (Sagres) do Tribunal de Contas do Estado (TCE), seria de R$ 1.185.229, 38.

Quem venceu a licitação foi a empresa Guedes Distribuidora de Produtos de Limpeza. Ela recebeu mais de R$ 227 mil em pagamentos no ano passado. Os valores eram retirados tanto do Fundo Municipal de Saúde, como da própria Prefeitura diretamente.

A portaria que instaura a investigação está assinada pela promotora de Justiça de Mamanguape, Carmem Perazzo.

Confira documento

Comente