Publicidade
Política

Líder do Blocão revela possível adesão de dois nomes à base governista

Wilson Filho disse que crescimento do bloco acontece por conta do projeto bem-sucedido iniciado por Ricardo em 2011

Líder do blocão na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o deputado estadual Wilson Filho (PTB) previu a adesão de novos deputados à base governista. Ele disse que três nomes podem chegar ao grupo nos próximos dias e se somar ao projeto do governador João Azevêdo (PSB).

- Continua depois da publicidade -

“São 22 deputados estaduais na base e, após o início dos trabalhos na Assembleia, outros deputados como o Felipe Leitão [já oficializado na base, sendo o 23° deputado da base] e outros já se aproximam da base. Pode chegar muito em breve a 25 deputados estaduais, uma base ampla”, comentou.

Wilson lembrou como o projeto do PSB à frente do Governo do Estado conseguiu evoluir e angariar apoios a cada eleição, ressaltando que o agrupamento de parlamentares na base governista se dá por uma questão identitária e até mesmo eleitoral, pois seria benéfico aos mesmos terem a imagem vinculada a uma gestão bem avaliada, rechaçando a tese de um “cobertor” de cargos e benesses para “segurar” os deputados.

“No final do primeiro mandato de Ricardo Coutinho só tinham cinco deputados. Para a eleição, após 2014, se começou em 2015 um novo mandato com 19 deputados estaduais. Agora temos 22 eleitos no bloco, no grupo que elegeu também João Azevêdo. Isso não é cobertor, guarda chuva, não é nada disso. A eleição deu uma vitória a João tão grande, tão atípica, a maior diferença da história das eleições, que fez um grande número de deputados. Quem vota no governador X, acaba por votar em representantes do seu próprio agrupamento”, explicou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar