Curta-metragem paraibano é exibido nesta terça no CineSesc de São Paulo

Curta-metragem paraibano é exibido nesta terça no CineSesc de São Paulo
Foto: Ilustração

O curta-metragem paraibano ‘A ética das hienas’ será exibido, hoje, a partir das 19h, no CineSesc, em São Paulo (SP). O filme, que aborda a corrupção e tem direção de Rodolpho de Barros, foi um dos selecionados para a Mostra Tiradentes (um dos principais festivais de cinema do País) e teve exibição em janeiro deste ano.

‘A ética das hienas’ teve gravações em João Pessoa e Campina Grande. “É um filme sobre corrupção. A história pretende expor a fragilidade ao qual um processo judicial pode estar sujeito pelas relações de favorecimento que às vezes se estabelecem”, explicou o diretor Rodolpho de Barros.

O cineasta, que também é produtor e fotógrafo de ‘Caetana’, disse ter trabalhado com excelente elenco em ‘A ética das hienas’. O curta com os atores e atrizes Suzy Lopes, Servilio de Holanda, Marcélia Cartaxo, Fernando Teixeira, Daniel Porpino e Tavinho Teixeira. A preparação do elenco foi realizada por João Paulo Soares em colaboração com Torquato Joel.

Para Rodolpho de Barros, os anos em que ele estudou e trabalhou na Argentina foram fundamentais para sua formação cinematográfica. “Mas considero sobretudo a experiência gravando e militando na Paraíba minha grande escola”, enfatizou ele. Esse curta foi a primeira incursão paraibana nos moldes de uma coprodução internacional moderna, devido aos contatos de Rodolpho na Argentina.

“Pudemos articular uma coprodução com a produtora argentina Mama Húngara e contamos com o apoio da Embaixada Brasileira e da Universidad del Cine. Vieram seis profissionais da Argentina e tivemos o primeiro set bilíngue no Estado, o que proporcionou um grande intercâmbio cultural. Esperamos que como legado, tenhamos estendido definitivamente as fronteiras do cinema paraibano”, finalizou Rodolpho. As informações são do Jornal A União.

Comente