28 C
João Pessoa, PB
terça-feira, 16 janeiro 2018
Governo

Vereador acusa Cartaxo de abandonar Estação Ciência e barreira do Cabo Branco

0
Vereador acusa Cartaxo de abandonar Estação Ciência e barreira do Cabo Branco
Vereador acusa Cartaxo de abandonar Estação Ciência e barreira do Cabo Branco
Humberto Pontes pede respeito de Cartaxo

O vereador Humberto Pontes (Avante) classificou como absurdo o descaso da gestão municipal em relação à Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Arte, fiscalizada na manhã desta terça-feira (16) durante a primeira Caravana da Oposição de 2018.

“O que vimos reflete o tratamento dispensado pelo prefeito à capital paraibana”, criticou o parlamentar, ao conferir de perto as condições de um dos principais pontos turísticos da cidade, no qual há comprometimento estrutural do prédio, como infiltrações, e o mau uso dos ambientes, a exemplo de um banheiro para deficientes que serve de copa para funcionários.

Leia também:

VÍDEO: Vereadores encontram cenário de abandono na Estação Cabo Branco

“É inadmissível e absurdo que uma estrutura do porte da Estação Cabo Branco, com um potencial turístico relevante, esteja entregue ao descaso, principalmente em uma época como essa, na qual temos pessoas de todo o Brasil em nossa cidade e também pessoenses, que certamente gostariam de usufruir desse espaço”, destacou Humberto Pontes.

O parlamentar revelou também que o mirante da Estação Cabo Branco está interditado há três anos. “Por isso, todos os eventos que aconteciam no local foram suspensos, a exemplo de exposições. Todo esse tempo para resolver um problema com a manta, por conta de infiltrações”, afirmou.

Descaso com barreira do Cabo Branco

O vereador Humberto Pontes lembrou que em 2017, também no começo do ano, a Caravana da Oposição esteve presente na barreira do Cabo Branco, que historicamente sofre com a erosão.

“Há um ano iniciamos as fiscalizações com outros vereadores e a situação continua a mesma. Cinco anos de gestão do prefeito Luciano Cartaxo sem que praticamente nada seja feito pela falésia, que pouco a pouco vai desaparecendo”, frisou, cobrando o projeto de contenção da barreira.

 

Presidente do partido de Cartaxo na Paraíba afirma que pré-candidatura de Romero “é pra valer”; ouça

0
Presidente do partido de Cartaxo na Paraíba afirma que pré-candidatura de Romero “é pra valer”; ouça

O presidente do PSD na Paraíba, deputado federal Rômulo Gouveia, admitiu que a pré-candidatura do prefeito de Campina Grande ao Governo do Estado, Romero Rodrigues (PSDB), “é pra valer”. 

“Com muita sinceridade, vejo disposição de Romero, vejo preocupação com esta condução partidária e acho que a pré-candidatura dele é pra valer”, disse. 

Amigo de longa data de Romero, Rômulo disse que Romero está fazendo o mesmo processo que o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), de conversar com partidos em busca de aliança e garantiu que está ajudando o seu filiado neste processo. 

“Estou trabalhando juntamente com o prefeito Luciano Cartaxo para que a gente possa avançar nesse calendário, obviamente não sei se vamos lograr êxito nesses 15 dias. Temos aí pela frente um período carnavalesco. Temos feito essas articulações, tanto Luciano de um lado, como eu feito de outro como presidente do PSD”, comentou. 

Segundo Rômulo, Cartaxo está conversando com PSDB, parcelas do MDB, PP, PRB, PSC e outros partidos da oposição. 

A entrevista do deputado foi concedida ao programa Rádio Verdade, da Arapuan FM. 

João diz que gestão do Rio Paraíba é da Aesa e rechaça suposta interferência da ANA; ouça

0
João diz que gestão do Rio Paraíba é da Aesa e rechaça suposta interferência da ANA; ouça

O secretário de Infraestrutura e Recursos Hídricos do Estado, João Azevêdo, comentou, nesta terça-feira (16), a informação de que Agência Nacional das Águas (ANA) teria desautorizado a formalização de termo de cooperação entre os governos da Paraíba e de Pernambuco para a construção da adutora que levará água do Rio Paraíba para as cidades de Barra de São Miguel-PB e Santa Cruz do Capibaribe-PE.

Em entrevista à Rádio Band News FM, João Azevêdo afirmou que o Governo da Paraíba não recebeu nenhuma notificação da ANA, porém esclareceu que a gestão das águas no trecho compreendido pelo Rio Paraíba é de competência do Estado, por meio da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa).

“A água da transposição (do São Francisco) até o portal de Monteiro é de responsabilidade da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba), através da ANA fazendo a gestão e operando a Codevasf. Quando chega na bacia de Boqueirão volta a ser de responsabilidade da ANA, porque o açude é do DNOCS Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), é federal, e ainda vai passar para o Estado, enquanto não para o Estado, ele fica sob a responsabilidade da ANA. Só que o trecho entre Monteiro e entrar na bacia é no Rio Paraíba, este é de responsabilidade, a gestão, da Aesa”, explicou João Azevêdo,

O secretário explicou ainda que a água retirada do Rio Paraíba para abastecer Santa Cruz do Capibaribe-PE fará parte da cota destinada a Pernambuco, e que a construção da adutora visa economizar recursos públicos, uma vez que o governo permanbucano precisaria construir uma adutora de 250 km, enquanto retirando a água do Rio Paraíba, será necessário uma adutoria com extenção de apenas 50 km. “Estamos economizando dinheiro público”, reforçou.

“Foi feito um projeto, encaminhado para a Aesa que analisou a viabilidade e autorizou. Vai ser feito porque é o óbvio. Não estamos tirando água da Paraíba”, disse o secretário, lembrando que quando o racionamento em Campina Grande foi suspenso, alegou-se que faltaria água, porém, Boqueirão tinha 11 milhões de m³ à época, e agora, mesmo com as cidades abastecidas, o açude já está chegando a 40 milhões de m³.

Saiba mais

Na última sexta-feira (12), o governador Ricardo Coutinho assinou o termo de cooperação entre os governos da Paraíba e de Pernambuco para a construção da adutora que levará água do Rio Paraíba para Barra de São Miguel-PB e Santa Cruz do Capibaribe-PE.

Ricardo ainda autorizou a abertura de licitação para a construção de uma estação de tratamento de água para Barra de São Miguel, que representa R$ 950 mil de investimento. A obra vai beneficiar cerca de 3 mil habitantes e será feita pela Cagepa, que ainda vai recuperar uma estação elevatória de água tratada e um reservatório elevado.

O termo de cooperação foi assinado em solenidades nas duas cidades beneficiadas pela adutora. Além de Ricardo, os eventos contaram com a presença do governador de Pernambuco, Paulo Câmara, prefeitos, deputados, auxiliares dos governos da Paraíba e de Pernambuco e outras autoridades.

Tudo em casa: Ruy e esposa ganham quase R$ 25 mil em gabinetes de Cássio e Pedro

0

Tudo em casa: Ruy e esposa ganham quase R$ 25 mil em gabinetes de Cássio e PedroTudo em casa. Aliados de longa data do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) e do seu filho, o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB), Ruy Carneiro e sua esposa, Waleska Carneiro, recebem, juntos, quase R$ 25 mil dos gabinete dos dois tucanos, de acordo com dados do Portal da Transparência.

Ruy Carneiro é presidente do PSDB na Paraíba e possui relação de amizade com Cássio. Lotado como secretário parlamentar de Pedro Cunha Lima, recebe a bagatela de R$ 14.334,28 mensalmente.

A esposa de Ruy, por sua vez, está lotada no gabinete de Cássio Cunha Lima como “assistente parlamentar júnior”. Pelos serviços de assessoria ao senador, recebe a gratificação nada modesta de R$ 10.475,02.

Como se sabe, ambos moram na Paraíba, muito distante de Brasília, onde fica o Senado e a Câmara dos Deputados. Porém, existe a possibilidade de secretários trabalharem nos Estados.

Tudo em casa: Ruy e esposa ganham quase R$ 25 mil em gabinetes de Cássio e Pedro Tudo em casa: Ruy e esposa ganham quase R$ 25 mil em gabinetes de Cássio e Pedro

PF apreende equipamentos médicos contrabandeados em JP e CG

0

A Polícia Federal (PF) cumpre quatro mandados de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (16), três em João Pessoa e um em Campina Grande, no Agreste do estado. A Operação Equipes busca desarticular uma quadrilha suspeita de contrabando de equipamentos de diagnóstico médico.

A operação iniciada em Santa Catarina cumpre, ao todo, 61 mandados em 47 cidades de 18 estados do país, incluindo a Paraíba. Cerca de 244 policiais participam do cumprimento das medidas, de acordo com a PF.

A polícia informou que uma organização criminosa fazia o contrabando dos equipamentos médicos por meio da Aduana de Controle Integrado (ACI), na cidade de Dionísio Cerqueira, em Santa Catarina. Um servidor da Receita Federal do município é suspeito de receber dinheiro para facilitar a ação da quadrilha.

Portal T5

Apoiador de presidenciável do PSL, Mofi garante ficar no Avante

0

O repórter Emerson Machado, vulgo ‘Mofi’, reafirmou sua pré-candidatura a deputado federal pelo Avante, mas deixou claro que não irá deixar de votar e apoiar o pré-candidato a presidente da República, Jair Bolsonaro, que se filiará ao PSL.

Emerson afirmou que está satisfeito com a legenda e com seus correligionários e, apesar de apoiar para presidente um candidato de outro partido, não tem pretensões de sair do Avante.

“Sou pré-candidato para deputado federal pelo Avante. Quero dizer a todos os paraibanos que eu estou satisfeito e muito feliz na legenda, ao lado de todos que estão no Avante. Temos pretensões de eleger uma grande bancada e nossa linha de trabalho é com humildade e os pés no chão. Não sei quem será o pré-candidato para presidente do Avante nacional, mas o meu voto será para Jair Bolsonaro”, declarou.

Servidores de CG ainda não receberam salário de dezembro, denuncia sindicato

0
Servidores de CG ainda não receberam salário de dezembro, denuncia sindicato

A Prefeitura Municipal de Campina Grande completou nesta segunda-feira, 15, uma quinzena sem pagar os salários de dezembro de centenas de servidores efetivos do município. O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste e da Borborema (Sintab) reforça seu repúdio a esta situação e lembra que entrou com ação na Justiça, no último dia 04, contra o prefeito Romero Rodrigues, para cobrar o pagamento dos salários e 13º atrasados.

Revoltados e frustrados com a situação, muitos trabalhadores estão sem condições sequer de se alimentar, acumulando dívidas e com dificuldades inclusive para sair de casa. Alguns profissionais relataram que apenas nesta segunda receberam o décimo. “Estou de férias, fiquei de férias sem décimo, sem salário e sem terço de férias”, revelou um(a) servidor(a), que terá sua identidade preservada.

O diretor de Comunicação do Sintab, Napoleão Maracajá, reforçou que o sindicato continuará sem medir esforços para denunciar e cobrar a regularização nos pagamentos. “Toda esta situação só deixa ainda mais evidente a falência do município de Campina Grande. A realidade é totalmente diferente daquela divulgada nas falas do prefeito Romero. Mas nós estaremos firmes ao lado dos trabalhadores. Além da ação judicial, estamos denunciando todos os dias, de todas as formas possíveis, o abuso, o desrespeito, a total falta de consideração da gestão para com quem mais faz pela cidade”, salientou.

Ele também lembrou, mais uma vez, que estas medidas serão tomadas em todos os municípios que não cumprirem os prazos e acrescentou que nas cidades onde o atraso persistir, os profissionais efetivos da educação não iniciarão as atividades do ano letivo.

Corpos de 10 paraibanos mortos em MG chegam a Catolé do Rocha às 12h

0

Os corpos dos dez paraibanos que morreram em um acidente de trânsito na BR-251, em Minas Gerais, estão regressando à sua cidade natal, Catolé do Rocha, a 416 km de João Pessoa, nesta terça-feira (16) para serem velados e enterrados.

O transporte está sendo realizado por um comboio composto por cinco carros funerários, que saiu antes do meio dia desta segunda-feira (15) da cidade mineira de Montes Claros. A primeira previsão é que eles chegassem por volta das 10h, mas um dos veículos precisou passar por um conserto, o que gerou um atraso de duas horas.

O prefeito em exercício da cidade, Lauro Adolfo (PSDB), informou que, quando os corpos chegarem, vão passar cerca de duas horas na casa de cada família e depois devem ir para a igreja Nossa Senhora dos Remédios, onde serão velados coletivamente e depois serão enterrados no cemitério da cidade, o Frei Damião de Bozzano.

De acordo com informações da assessoria de comunicação da prefeitura as vítimas do acidente com o micro-ônibus atingido por um caminhão são:

Elizângela Oliveira Fernandes, 43 anos

Luzanira Oliveira Fernandes, 19 anos

Sandemar Pereira da Silva Filho, 7 anos

Luzia Mendonça, 76 anos

Kaliandro da Silva Oliveira, 40 anos

Diomira Rita de Lima, 55 anos

Jaislan de Lima Nogueira de 21 anos

Simone Sousa, 41 anos

Maria Das Neves Pereira da Silva, 67 anos

Francisco das Chagas de Sousa Oliveira, 37 anos

Yves Feitosa do Paraíba.com.br

Conta dos estados sai do azul para rombo de R$ 60 bi em três anos

0
Negociação entre Rio e União de empréstimos

Em um período de três anos, os Estados saíram de um resultado positivo de R$ 16 bilhões em suas contas para um déficit de R$ 60 bilhões no fim de 2017. Isso significa que os governadores assumiram seus postos, em 2015, com o caixa no azul e, se não tomarem medidas drásticas até o fim deste ano, vão entregar um rombo bilionário para seus sucessores.

O levantamento feito a pedido do jornal “O Estado de S. Paulo” pelo especialista em contas públicas Raul Velloso mostra o resultado de uma equação que os governos estaduais não conseguiram resolver: uma folha de pagamento crescente associada a uma queda na arrecadação de impostos por causa da crise econômica.

“É o mandato maldito”, diz Velloso. “Diante da pior recessão do País, os Estados saíram de um resultado positivo para um déficit único histórico.” O Rio Grande do Norte foi o Estado cuja deterioração fiscal se deu mais rapidamente nesse período. Depois de ter acumulado um superávit de R$ 4 bilhões entre 2011 e 2014, entrou numa trajetória negativa até acumular um déficit de R$ 2,8 bilhões em outubro de 2017.

Esse descompasso fiscal pode ser visto nas ruas. Com salários atrasados, a Polícia Civil entrou em greve e uma onda de violência tomou o Estado no fim do ano. Os policiais encerraram a paralisação, mas servidores da saúde continuam de braços cruzados (leia mais abaixo).

Além do Rio Grande do Norte, os casos de desajuste fiscal que ficaram mais conhecidos foram os do Rio de Janeiro e de Minas Gerais. Mas outros Estados seguem o mesmo caminho, como Goiás, Pernambuco e Sergipe. Eles estão entre os mais mal avaliados pelo Tesouro Nacional sob o ponto de vista de capacidade de pagamentos.

“Há uma fila de Estados prontos para passarem por uma crise aguda (como a do Rio Grande do Norte)”, diz o economista Leonardo Rolim, consultor de orçamentos da Câmara. Para o economista Marcos Lisboa, presidente do Insper, o grande vilão do déficit estadual é o aumento da folha de pagamento dos Estados, que precisa, a cada ano, arcar com um número maior de aposentados.

“O envelhecimento da população é muito rápido e, por isso, o aumento dos gastos também.” De acordo com o levantamento de Velloso, as despesas e receitas dos Estados empataram em 2014, atingindo R$ 929 bilhões cada uma. Desde então, as receitas recuaram de forma mais abrupta: atingiram R$ 690 bilhões nos dez primeiros meses de 2017, enquanto as despesas somaram R$ 715 bilhões.

Do lado das receitas, além da crise reduzir a arrecadação com impostos, o corte de repasses do governo federal acentuou a a dificuldade dos Estados. “Até 2014, o governo dava empréstimos que mascaravam a situação”, afirma a economista Ana Carla Abrão Costa, que foi secretária da Fazenda de Goiás até 2016.

Se, nos últimos anos, o desajuste fiscal já obrigou a maioria dos Estados a reduzir investimentos, neste ano, o corte deve ser ainda maior. Isso porque, como é último ano de mandato, os governadores não podem deixar restos a pagar para os que assumirem em 2019. Tarefa que, para Velloso, é impossível. “Não tem a menor condição de eles zerarem esses déficits.” Já Rolim diz que os governadores poderão recorrer a manobras, como o cancelamento de restos a pagar.

“É uma espécie de calote. Despesas com obras não concluídas, por exemplo, não tem problema, mas fornecedores poderão ficar sem receber.” Para Ana Carla, as contas vão acabar fechando porque o ano é de eleição. “Como não podem deixar restos a pagar, os Estados vão buscar recursos extraordinários como nunca”, afirma.

O superintendente do Tesouro de Goiás, Oldair da Fonseca, afirmou que o governo está trabalhando com austeridade para não deixar restos a pagar para 2019. Ele destacou que o déficit de 2017 deverá ficar em R$ 900 bilhões – em 2015, havia sido o dobro. O secretário das Finanças do Rio Grande do Norte, Gustavo Nogueira, afirmou que a raiz do problema é o déficit previdenciário. O governo de Pernambuco disse que não considera como despesa total as despesa empenhadas (autorizadas), como foi feito no levantamento, e que fechou o ano com receita para cobrir seus gastos.

O governo do Rio afirmou que sua situação fiscal foi prejudicada pela crise, já que sua economia é dependente da indústria do petróleo. O de Minas Gerais informou que já recebeu o Estado em situação delicada e que a folha de pagamento tem deteriorado as contas ainda mais.

  • Do Correio do Povo com Estadão

Presos dois suspeitos de tentativa de homicídio em Santa Rita

0
Presos dois suspeitos de tentativa de homicídio em Santa Rita

A Polícia Militar prendeu o principal suspeito de tentar um homicídio, que feriu a facadas uma mulher de 20 anos em Santa Rita, na noite do domingo (14). A vítima teria sido atingida pelo seu ex-namorado, que fugiu após o crime e foi localizado na noite desta segunda-feira (15). Outra suspeita também foi presa na ação.

Desde o domingo, policiais do 7º Batalhão estavam diligências tentando localizar tanto o suspeito, como a atual namorada dele, que poderia também estar envolvida no caso. “Tínhamos informações que a atual namorada do suspeito teria marcado um encontro com a vítima, que é ex-namorada dele. Contudo, quem apareceu na hora foi o suspeito e teria ferido a ex com uma arma branca”, explicou o tenente Antônio Ferreira, comandante da Força Tática do 7º Batalhão, e que coordenou a prisão.

“A partir de informações que foram passadas pela vítima e por familiares dela, a PM encontrou a namorada do suspeito no início da noite, e depois localizou o homem em uma chácara no loteamento Boa Vista”, disse o oficial. Os dois suspeitos foram presos e conduzidos para a 6ª Delegacia Distrital, em Santa Rita, onde foram autuados por tentativa de homicídio.

Publicidade

Mais Lidas

Nossas Redes Sociais

17,925FãsCurtir
8,279SeguidoresSeguir
548InscritosInscrever