O secretário de Planejamento do Estado, Waldson Souza, sugeriu, na tarde desta terça-feira (25), ao deputado Bruno Cunha Lima (PSDB), novo líder da bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), uma pesquisa no Google para aprender a diferença entre terceirização e gestão pactuada. O auxiliar do governador Ricardo Coutinho (PSB) ainda desafiou o parlamentar tucano para um debate público a respeito da proposta do Governo de contratar organizações sociais para atuar nas escolas públicas estaduais.

O desafio feito por Waldson ocorreu no momento em que Bruno Cunha Lima concedia entrevista à Rádio Arapuan FM e tecia fortes críticas ao processo de gestão pactuada que o Governo do Estado pretende implantar na Paraíba. O secretário ligou para o programa para rebater as críticas e aproveitou para fazer o desafio. “Debato com o deputado aí no programa ou na Assembleia”, disparou.

Waldson também aproveitou para ‘alfinetar’ o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), primo de Bruno, que foi acusado em delação premiada por ex-executivos da Odebrecht de receber recursos via caixa 2 nas eleições de 2014, dando a Cagepa como garantia pela doação de campanha. “Terceirização era o que Cássio queria fazer com a Cagepa”, afirmou o secretário.

Ouça abaixo as declarações de Waldson na Arapuan:

 

Comente

Camara Municipal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here