Cartaxo é o prefeito que mais mudou de secretários na administração da PMJP

1

Ainda em 2012, após ter vencido as eleições para prefeito de João Pessoa no segundo turno, Luciano Cartaxo (PSD) anunciou sua equipe de secretariado. Assim como ele, no início de 2013, todos 25 secretários e quatro auxiliares que respondem por órgãos da prefeitura tomaram posse das funções. Agora, em 2016, a menos de cinco meses para o fim do mandato de Cartaxo, apenas cinco deles se mantêm, os demais pediram demissão, foram exonerados ou remanejados para outras pastas.

As nomeações dos titulares da equipe somam 70 em três anos e meio de gestão, o que dá a Cartaxo o título de prefeito da capital que mais mudou seus auxiliares. A última alteração aconteceu em junho deste ano na Secretária Municipal de Comunicação Social (Secom-JP), a pasta também é a que teve maior número de mexidas. Em seguida as secretaria que mais sofreram alterações foi a de Saúde e a de Gestão Governamental de Articulação Política. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) também está entre as campeãs em trocas.

Na Comunicação, foram seis secretários que passaram pela pasta, a gestão começou com Marcus Alves respondendo pela secretaria. Ainda em 2013, ele foi remanejado para Coordenadoria de Projetos Especiais da Prefeitura e o publicitário Cacá Martins assumiu o posto. Uma nova troca aconteceu em 2014, com a chegada do vereador Marcus Vinícius para comandar a pasta. O parlamentar permaneceu até abril deste ano, assumindo em seu lugar Diego Tavares. Por sua vez, Diego Tavares pediu exoneração para coordenar a campanha de Cartaxo à reeleição, passando a Eduardo Carneiro a responsabilidade de responder interinamente pela Comunicação. Por fim, o prefeito anunciou em junho o jornalista Josival Perreira como novo secretário.

Na importante Secretaria Municipal de Saúde (SMS), maior orçamento da prefeitura, também houve bastante troca-troca. A pasta começou sob o comando de Lindemberg Medeiros de Araújo, que em abril de 2014 pediu exoneração. No seu lugar foi nomeado Adalberto Fulgêncio. Ainda em 2014, Cartaxo trocou o secretário por Mônica Rocha. Em menos de um ano, em 2015, ocorreu nova mudança e Aleuda Nágila de Sá Cardoso assumiu a função. Já em 2016, Cartaxo resolveu trazer novamente Adalberto Fulgêncio para liderar a secretaria.

Com o mesmo número de mexidas da Secretaria de Saúde, a Secretaria Gestão de Governamental de Articulação Política está entre as que mais sofreram alterações no comando. Em 2013, quem respondia pela pasta era Rodrigo Soares. Em 2014, Lucius Fabiani assumiu a secretaria. Ainda em 2014, Fulgêncio que estava na Secretaria de Saúde foi remanejado e escalado para liderar a Articulação Política. Já em 2015, o então chefe de Gabinete de Cartaxo, Zennedy Bezerra, também passou por remanejamento e passou a responder pela secretária. Assim como Diego Tavares, Zennedy deixou o governo para coordenar a campanha de Cartaxo, em seu lugar foi nomeado Inácio Machado.

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano também está entre as pastas que mais teve secretários. Foram quatro ao todo, começando com Assis Freire. Em 2014 o vereador João Almeida pediu licença da Câmara Municipal de João Pessoa e passou a comandar a secretaria. Em oito meses, Cartaxo fez nova alteração e Hildevânio Macedo foi nomeado para a pasta. A última mudança de secretário do Desenvolvimento Urbano aconteceu em abril deste ano com a chegada de Nilton Marinho Coelho como titular.

Durante os três anos e sete meses de gestão de Cartaxo apenas as secretarias de Administração, Habitação Social e Segurança Urbana e Cidadania, com os secretários Roberto Wagner Mariz Queiroga, Maria do Socorro Gadelha Campos e Geraldo Amorim, respectivamente, não aconteceu trocas. O ouvidor municipal, Antônio Jácome Filho, e diretor Executivo da Fundação Cultural de João Pessoa, Maurício Burity, também se mantêm desde do início do governo.

As demais secretarias ou órgãos sofreram alterações. Foram três nas secretarias de Ciência e Tecnologia, Finanças, Meio Ambiente, Políticas Públicas para as Mulheres, Turismo, no Procon Municipal e Superintendência da Mobilidade Urbana. Já as secretarias de Desenvolvimento Social, Controladoria Geral do Município, Educação e Cultura, Infraestrutura, Juventude, Esportes e Recreação, Receita, Transparência Pública, Chefia de Gabinete do Prefeito, na Autarquia Especial de Limpeza Urbana e na Procuradoria Geral ocorreram duas trocas.

Veja a lista com todos os secretários que passaram pelo governo de Cartaxo:

Secretaria de Administração: Roberto Wagner Mariz Queiroga;

Secretaria de Comunicação Social: Marcus Alves, Cacá Martins, Marcus Vinícius, Diego Tavares, Eduardo Carneiro (interino) e Josival Perreira;

Secretaria de Ciência e Tecnologia: Marly Lúcio, Bival Ferreira Dantas Filho e Marcos Túlio Gomes da Silva Junior;

Controladoria Geral do Município: Sérgio Ricardo e Severino Souza de Queiroz;

Secretaria de Desenvolvimento Social: Marta Geruza Moura Gomes e Eduardo Jorge Rocha Pedrosa;

Secretaria de Desenvolvimento Urbano: Assis Freire, João Almeida, Hildevânio Macedo e Nilton Marinho Coelho;

Secretaria de Educação e Cultura: Luis Sousa Júnior e Edilma Ferreira;

Secretaria de Finanças: Aldo Prestes, Bruno Sitonio (interino), Sérgio Barbosa;

Secretaria de Gestão Governamental de Articulação Política: Rodrigo Soares, Lucius Fabiani, Adalberto Fulgêncio, Zennedy Bezerra e Inácio Machado;

Secretaria de Habitação Social: Maria do Socorro Gadelha Campos;

Secretaria de Infraestrutura: Ronaldo Guerra e Cássio Augusto Cananéa Andrade;

Secretaria de Juventude, Esportes e Recreação: Sérgio de Morais Meira e Edmilson Ferreira;

Secretaria do Meio Ambiente: Edilton Rodrigues Nóbrega, Daniella de Almeida Bandeira, Abelardo Jurema Neto;

Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres: Maria do Socorro Borges Barbosa, Giucélia Figueiredo, Adriana Urquiza;

Secretaria de Planejamento: Rômulo Soares Polari, Zeneddy Bezerra e Daniella Bandeira;

Secretaria da Receita: Fábio Guerra e Adenilson de Oliveira;

Secretaria da Saúde: Lindemberg Medeiros de Araújo, Adalberto Fulgêncio, Mônica Rocha, Aleuda Nágila de Sá Cardoso e Adalberto Fulgêncio;

Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania: Geraldo Amorim;

Secretaria do Trabalho Produção e Renda: Raimundo Nunes, Diego Tavares e Paulo Roberto Fernandes Vieira;

Secretaria de Turismo: Roberto Lucena Ramalho Brunet, Bruno Farias e Fernando Milanez;

Transparência Pública: Éder Dantas e Ronald Pereira Lins (interino);

Ouvidoria Municipal: Antônio Jácome Filho;

Secretaria Executiva do Orçamento Participativo: Hildevânio de Souza Macedo e Roberto Ivens Martinho Barbosa Filho;

Procon Municipal: Nadja Diógenes Palitot y Palitot, Helton Renê e Marcos Santos;

Chefe de Gabinete do Prefeito: Zenedy Bezerra e Hildevânio Macêdo;

Autarquia Especial de Limpeza Urbana: Anselmo Castilho e Lucius Fabiani;

Diretor Executivo da Fundação Cultural de João Pessoa: Maurício Burity;

Procuradoria Geral: Rodrigo Farias e Adelmar Azevedo Régis;

Superintendência da Mobilidade Urbana: Nilton Pereira de Andrade, Roberto Pinto (interino) e Carlos Batinga.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

1 COMENTÁRIO

  1. Sinceramente? Isto pode se chamar de uma gestão séria?
    Um prefeito que vai do nada a coisa alguma?
    Em outubro o povo da capital tem a oportunidade única de mudar tudo isto e varrer esta gente incompetente e incapaz da PMJP. Eita que saudades de Luciano Agra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here