- Publicidade -
Cotidiano

Secretários de estados que receberam águas do São Francisco se reúnem em JP

A reunião ocorreu na Secretária da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (Seirhma) e foi presidida pelo secretário Deusdete Queiroga

Secretários de Estado, procurador jurídico, presidentes de agências de água e técnicos dos quatro estados receptores do Projeto de Integração do Rio São Francisco com as Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional (Pisf), se reuniram, na manhã desta quarta-feira (19), para discutir propostas que serão apresentadas pelos governos estaduais ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). A reunião ocorreu na Secretária da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (Seirhma) e foi presidida pelo secretário Deusdete Queiroga.

- Continua depois da publicidade -

Os representantes dos estados da Paraíba, Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte, que são receptores do Pisf , elencaram oito pontos com propostas, visando uniformizar e apresentar o menor custo operacional de manutenção, com o objetivo de reduzir o impacto para a população que será beneficiada pela transposição de águas do São Francisco. O secretário Deusdete Queiroga agradeceu a presença de todos e ressaltou o avanço nas discussões.

A reunião contou também com a presença da secretária executiva dos Recursos Hídricos, Virgiane Melo; do procurador geral do Estado, Fábio Andrade; do presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), Porfírio Loureiro; do diretor Administrativo da Aesa, Joacy Mendes, além do secretário de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte, João Maria Cavalcanti; da secretária de Recursos Hídricos de Pernambuco, Fernanda Batista; e do secretário executivo de Planejamento e Gestão Interna do Ceará, Ramon Rodrigues.

Comente

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar