O governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB), durante assinatura de termo de cooperação com o Governo de Pernambuco para construção de adutora que deverá levar água do Rio Paraíba para Barra de São Miguel-PB e Santa Cruz do Capibaribe-PE, rechaçou os críticos da ação.

“Aqueles que se acham donos do povo, das cidades, da política tentam contaminar a mente sadia da população dizendo que não se pode tirar água de um canto, mas pode tirar de outro. Isso é uma bobagem enorme porque é a mesma água. A que passa em Pernambuco é a mesma que passa na Paraíba”, declarou.

Ricardo comparou o início de celeuma com o imbróglio que envolveu o fim do racionamento em Campina Grande e disse que se trata de paranoia dos que querem governar sem votos.

“Tem uma certa paranoia, parece que todo mundo quer dar palpite, governar sem ter votos. A política é a prioridade do povo e é preciso respeitar. A política não pode ser a Geni, que todo mundo diz que não presta, pois é a política que define quem pode fazer coisas como essas melhorias vistas aqui”, observou.

De acordo com o secretário da Infraestrutura, Recursos Hídricos Ciência e Tecnologia do Estado, João Azevêdo, não há prejuízo à Paraíba porque a cota de água que irá para o município de Pernambuco é a mesma que iria pelo Eixo Leste no Estado vizinho, porém, será repassada pela Paraíba por questões econômicas.

Comente

Camara Municipal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here