Operação apreende 4,5 toneladas de camarão produzido ilegalmente em casa de bronzeamento

Uma operação realizada em conjunto por órgãos federais, nesta quarta-feira (14), apreendeu cerca de de 4,5 toneladas de camarão produzidos de forma clandestina em Bayeux, Região Metropolitana de João Pessoa. Estiveram na ação a Polícia Rodoviária Federal da Paraíba (PRF-PB), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e a Justiça Federal.

Dois estabelecimentos foram identificados como produtores clandestinos dos camarões. Em um dos locais existia a fachada de uma casa de bronzeamento. Já o outro estabelecimento flagrado com a prática ilegal era onde funcionava uma fábrica.

Um dos estabelecimentos já havia sido fechado e autuado no mês de maio também devido à produção irregular de camarões.

Entretanto, eles voltaram a produzir os camarões de forma clandestina, colocando em risco a saúde dos consumidores – uma vez que não há qualquer parâmetro de higiene respeitado e padrões oficiais de produção.

Comente