Marcos Vinícius diz que João agiu com bom senso ao desembargar obras do Parque Sanhauá

Câmara Municipal de João Pessoa emite nota de pesar pela morte de Rômulo Gouveia

O vereador, Marcos Vinícius (PSDB), afirmou da manhã de hoje (3), que o governador, João Azevedo (PSB), agiu com “bom senso” ao retirar o embargo do Iphaep com as obras do Parque Sanhauá. “Quem ganha com isso é a cidade que poderá contar com mais um espaço de preservação ambiental”, disse.

Para Marcos se a discussão for meramente formal, “devido a trâmites legais, não há problema”. “Mas espero realmente que o grupo que inventou o Parque Cuiá, desapropriando um terreno por um preço inimaginável às vésperas das eleições, não esteja querendo impedir que esta importante obra de proteção ambiental e valorização do Centro Histórico aconteça”, disse.

O Iphaep, por sua vez, acabou divulgando nota em que afirma que foi aberto um novo prazo para a apresentação de documentos visando a realização da obra. Já o prefeito afirma que todos os documentos foram entregues.

Marcos lembrou ainda as várias intervenções que foram feitas pela PMJP no Centro Histórico, entre elas: o Parque da Lagoa, a Praça da Independência, o Hotel Globo, a Casa da Pólvora, as praças João Pessoa e 1817, o Conventinho, o Pavilhão do Chá, a nova Bica e os Casarões no Varadouro.

Comente