- Publicidade -
Brasil

Em risco na CPMI das Fake News, Carlos Bolsonaro pede licença da Câmara do Rio

Na quinta-feira, via Twitter, ele afirmou que a transformação que o Brasil quer não será rápida por vias democráticas

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, solicitou licença não remunerada. O parlamentar enviou ofício ao presidente da Câmara Municipal do Rio, Jorge Felippe, no último dia 6 de setembro, mas o documento foi despachado nesta segunda-feira. Ele não explicou o motivo do pedido.

- Continua depois da publicidade -

Carta enviada por Carlos Bolsonaro ao presidente da Câmara Municipal do Rio Foto: Reprodução

Polêmica

Ontem, no Twitter, ele afirmou que a transformação que o Brasil quer não será rápida por vias democráticas.

“Por vias democráticas a transformação que o Brasil quer não acontecerá na velocidade que almejamos… e se isso acontecer. Só vejo todo dia a roda girando em torno do próprio eixo e os que sempre nos dominaram continuam nos dominando de jeitos diferentes!”

A mensagem foi postada após o vereador comentar sobre os esforços que, segundo ele, o governo do pai faz para acabar com “absurdos que nos meteram no limbo”. De acordo com o vereador, o governo tenta colocar o Brasil “nos eixos”, mas que os “avanços são ignorados, e os malfeitores esquecidos”.

“O governo Bolsonaro vem desfazendo absurdos que nos meteram no limbo e tenta nos recolocar nos eixos. O enredo contado por grupelhos e os motivos cada vez mais claro$ lamentavelmente são rapidamente absorvidos por inocentes. Os avanços ignorados e os malfeitores esquecidos”, escreveu no Twitter.

E concluiu afirmando que “como meu pai, também estou muito tranquilo e o poder jamais me seduziu. Boa sorte sempre a todos nós!”

Em pouco tempo a postagem gerou críticas na rede social. O vereador também recebeu mensagens de apoio. Também pelo Twitter, o PSDB defendeu a democracia como única opção possível.

O youtuber Felipe Neto, que comprou milhares de quadrinhos com beijo gay na Bienal do Livro do Rio após operação da prefeitura para tentar recolher os materiais, respondeu a Carlos e, em uma hora, já tinha 25 mil curtidas na rede social: “Se você está calado nesse momento, você é conivente. Todas as ameaças estão sendo feitas. A democracia está em risco”.

A postagem foi feita enquanto o presidente está internado em São Paulo após fazer cirurgia para corrigir uma hérnia. Até o fechamento desta edição, Bolsonaro não havia comentado o texto do filho.

O Globo

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar