Datafolha: 69% acreditam que irão perder renda na crise do coronavírus

Pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal “Folha de S.Paulo” nesta quarta-feira (8) aponta que 69% dos entrevistados dizem que vão perder renda durante a crise sanitária provocada pela epidemia de coronavírus no Brasil. O levantamento mostra ainda que 76% defendem que as pessoas fiquem em casa para evitar que o vírus se espalhe.

O instituto entrevistou, por telefone, 1.511 pessoas entre os dias 1º e 3 de abril. A margem de erro da pesquisa é de três pontos.

Veja abaixo os resultados de acordo com as perguntas feitas aos entrevistados:

Rendimentos irão diminuir nos próximos meses?

  • Sim: 69% (em março eram 57%)
  • Não: 30% (em março eram 43%)

Segundo a pesquisa, preocupação é maior entre os mais pobres, mas parece ter alcançado rapidamente grupos que se sentiam mais protegidos no início da crise, aumentando de forma significativa entre os mais ricos, à medida que as consequências econômicas da epidemia começam a se tornar evidentes.

O surto de coronavírus prejudicará a economia?

  • Por muito tempo: 56%
  • Por pouco tempo: 36%
  • Não irá prejudicar: 5%
  • Não sabe: 3%

O surto do coronavírus prejudicará sua vida financeira pessoal?

  • Por muito tempo: 37%
  • Por pouco tempo: 41%
  • Não irá prejudicar: 19%
  • Não sabe: 3%

Poderá trabalhar em casa durante o surto?

  • Sim: 33%
  • Não: 67%

Se deixar de receber salário ou pagamento por serviço hoje conseguiria se sustentar por quanto tempo?

  • Menos de 15 dias: 11%
  • Menos de 1 mês: 9%
  • Até 1 mês: 20%
  • 2 meses: 19%
  • 3 meses: 11%
  • 4 meses ou mais: 17%
  • Já não está conseguindo: 6%
  • Não sabe: 9%

O que é mais importante neste momento?

  • Deixar as pessoas em casa: 76%
  • Acabar com o isolamento: 18%
  • Não sabe: 6%

Comente