Sindicato do Professores reafirma greve e diz não temer ‘ameaças’ da Prefeitura

    0

    Os professores das escolas municipais de João Pessoa, que decidiram manter a greve geral da categoria, que já dura duas semanas, não temem retaliações por parte da Prefeitura de João Pessoa. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Município de João Pessoa (SintemJP), Daniel de Assis, a categoria sabia que poderia ser vítima de ameaças por parte do executivo municipal.

    “Quando a categoria decidiu de forma majoritária a prosseguir com a greve, sabia que poderia haver retaliações, mas o sindicato vai tratar de cada um desses casos em seu determinado momento”, assegurou o presidente, dizendo que há entendimentos jurídicos divergentes sobre o direito de greve de profissionais que ainda estejam em estágio probatório.

    Daniel diz que a continuidade de greve será discutida na próxima assembleia da categoria, na segunda-feira (6), mas que, enquanto isso, manterão a paralisação, deixando mais de 60 mil alunos sem aulas e cerca de 90 escolas fechadas.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here