Professor Charliton participa de caminhada no Centro com trabalhadores do comércio

0

O candidato a prefeito de João Pessoa pelo Partido dos Trabalhadores, Professor Charliton, participou nesta quinta-feira (8) de uma caminhada no Centro da cidade com os trabalhadores do Comércio. Além dele, estiveram presentes, o presidente do Sindicato dos Comerciários de João Pessoa, Rogério Braz; o tesoureiro do sindicato, Eliezer Gomes; e o candidato a vereador pelo PT, Marcos Henriques.

“Através dessa manifestação os comerciários mostraram que não aceitarão a retirada de nenhum direito, inclusive mudanças sobre o 13º salário e as férias. Aproveitamos também para falar sobre o nosso Programa de Governo, que possui como base a educação, inclusão, sustentabilidade e participação popular. O diálogo que temos agora com sindicatos, movimentos sociais, entidades representativas e com a população em geral, será mantido. É imprescindível que um gestor entenda a importância da participação popular na definição das políticas públicas que serão implantadas pela gestão”, explicou.

Em conversa com os trabalhadores, alguns temas da política local foram abordados, e o candidato do PT novamente colocou as semelhanças entre os candidatos Cartaxo e Cida Ramos: “Primeiro é preciso que a população entenda que não podemos viver do passado e nem de um presente desastroso. João Pessoa, e todos que aqui vivem, merecem construir uma nova história. Estamos aqui representando isso, e ao contrário dos candidatos que citei, não iremos admitir nepotismo, ou qualquer outra prática que não respeite os princípios da ética e da coerência administrativa”.

Especificamente sobre o atual prefeito, o Professor Charliton destacou que o discurso vai de encontro a realidade da cidade e o dia a dia da população: “Nossa cidade tem centenas de ruas de terra, pessoas sem moradia, crianças que ainda não sabem ler nem escrever, mulheres morrendo durante o parto, ciclistas correndo perigo por falta de ciclovias, entre outros problemas que são bem reais, mais que o prefeito não fala e não mostra. Quem quer viver em uma cidade de faz de conta? Queremos uma cidade de verdade, e um prefeito que enfrente os problema de frente”.

Assim como grande parte da população brasileira, os comerciários entendem que é necessário o enfrentamento ao Golpe. Presente no Grito dos Excluídos, que foi para as ruas nesta quarta, 7, o Professor Charliton fez a seguinte colocação: “Vivemos um Golpe, e não adianta a direita e a mídia golpista tentarem negar. Ontem vimos como o presidente golpista foi recebido no desfile de 7 de Setembro em Brasília, e da mesma fora na abertura das Paralimpíadas. O ‘Fora Temer’ é o nosso grito de guerra, e ele, e seus aliados, irão escutá-lo até que a democracia seja restabelecida”.

“Não iremos admitir que nenhum direito seja retirado, e a quantidade de pessoas que foram para as ruas no dia de ontem, participando do Grito dos Excluídos, é a prova de que não iremos descansar. A luta pode durar o tempo que for, mas não ficaremos calados”, finalizou o Professor Charliton.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here