Prefeitura inicia capacitação da primeira turma de ‘Cuidadores Familiares’

    0

    João Pessoa será palco da primeira experiência no país voltada para a formação de Cuidadores Familiares. A aula inaugural do curso ocorre nesta quarta-feira (26), às 9h, no Salão da Estação das Artes, e contará com a presença do prefeito Luciano Cartaxo. Ao todo, 600 pessoas vão participar da capacitação, que terá duração de nove meses.

    O curso, promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), visa a capacitação dos cuidadores, para que eles possam atuar no âmbito comunitário e familiar. O prefeito Luciano Cartaxo vê o curso como “a criação de uma família de cuidadores para ajudar as pessoas que precisam de uma atenção mais especializada”.

    O projeto tem como meta desenvolver atividades de apoio às políticas de atenção básica à saúde. Isso inclui o conhecimento necessário para o acompanhamento dos hábitos de vida diária, tais como uso de medicação, higiene pessoal e atividades físicas reabilitadoras, necessárias ao público alvo.

    As primeiras 600 pessoas selecionadas para o curso de cuidadores vão receber uma bolsa no valor de R$ 200 mensais enquanto estiverem acompanhando as aulas. As disciplinas presenciais vão ocorrer durante quatro semanas. Nesse período, serão dados conteúdos voltados ao atendimento adequado às pessoas que precisam de cuidados especiais.

    Atuação – Os 600 primeiros cuidadores familiares serão distribuídos nos cinco Distritos Sanitários de João Pessoa, onde estão instaladas as Equipes de Saúde da Família (ESF). Eles atenderão pessoas com deficiências, crianças e idosos, entre outros que precisem de cuidados especiais na vida cotidiana em recinto doméstico.

    Além da capacitação, o curso possibilitará a coleta de dados, através de atividades de pesquisa-ação, para a implantação de políticas públicas de atenção domiciliar qualificada.

    Projeto – O projeto Cuidador Familiar surgiu de uma iniciativa da Organização Social para o Desenvolvimento Sustentável e Capacitação (Odesc), uma entidade sem fins lucrativos. O trabalho é desenvolvido em parceria com a Prefeitura de João Pessoa, o Ministério da Saúde e a Organização Pan-americana de Saúde (Opas).

    De acordo com os organizadores, o projeto foi elaborado considerando a situação de vulnerabilidade de alguns segmentos da população. Nessa faixa, apesar da necessidade da figura do cuidador, percebe-se a necessidade de orientação e sistematização da sua presença no seio da sociedade.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here