PMJP paralisa obra de construção do Centro de Apoio ao Turista em Tambaú; Seinfra nega atraso

0

Não é necessário andar muito por João Pessoa, para perceber que o prefeito Luciano Cartaxo (PSD), não vem cumprindo a promessa feita a população de trabalho contínuo e conclusão de obras. Um dos pontos turísticos do litoral de João Pessoa, a praia de Tambaú, pasmem, também sofre com o descaso da gestão. Os turistas que visitam a cidade, comerciantes da localidade e a população, deveriam ter recebido a obra do Centro de Apoio ao Turista no dia 12 janeiro de 2016, porém, além da obra ainda não ter sido concluída, ainda está paralisada.

O cenário é de abandono e descaso com o dinheiro público. A obra aparenta estar em fase de conclusão. Os tapumes que estão no entorno da obra, escondem os entulhos, restos de materiais de construção e o mistério da data da entrega.

PMJP paralisa obra de construção do Centro de Apoio ao Turista em Tambaú; Seinfra nega atraso

PMJP paralisa obra de construção do Centro de Apoio ao Turista em Tambaú; Seinfra nega atraso

PMJP paralisa obra de construção do Centro de Apoio ao Turista em Tambaú; Seinfra nega atraso

A obra foi orçada no valor de mais de R$ 310 mil. Foi iniciada em 14 de setembro de 2015, e contou com recursos do Governo Federal, que já liberou R$ 250 mil.  A empresa responsável pela obra, a Rinacon Construções Ltda,  já recebeu mais de R$ 100 mil.

PMJP paralisa obra de construção do Centro de Apoio ao Turista em Tambaú; Seinfra nega atraso

PMJP paralisa obra de construção do Centro de Apoio ao Turista em Tambaú; Seinfra nega atraso

Os comerciantes que trabalhavam no local onde a obra está sendo construída, reclamam do descaso e denunciam que a obra vem sendo usada como ponto de uso de drogas. Aldair Fernando, 25 anos, trabalha em um trailer que comercializa produtos típicos nordestinos há 25 anos. Ele relata que os donos do comércio procuraram a prefeitura, pois ficaram sem trabalhar por seis meses e sem resposta, o que conseguiram foi uma liberação, para ficar de improviso no estacionamento, que fica localizado em frente a obra.

“Quando a obra foi iniciada nós ficamos um tempo com o nosso comércio fechado, porque onde ela está sendo feita era onde ficávamos. A obra está paralisada há uns dois ou três meses e eu acho isso um descaso. Se a prefeitura começa uma obra ela tem que terminar. Isso prejudica quem sobrevive do seu comércio e precisa ganhar o pão de cada dia. Quando saímos do local ficamos sem trabalhar, não tivemos nenhum direcionamento por parte das autoridades. Nós fomos atrás da Prefeitura, entramos em contato com que está sendo responsável pela obra, para podermos vir pra cá sem nenhum problemas. Nós não sabemos quando vai concluir, quando vai inaugurar e isso faz com que a população desacredite na Prefeitura”, relatou.

Aldair é o único dos comerciantes que ainda conseguiu retomar suas atividades. Os outros nem foram realocados e também não se tem informações se eles conseguiram colocar seus comércios em outros pontos.

Resposta da PMJP

De acordo com o diretor de obras da Seinfra, Marcos César, “no momento estão sendo feitos ajustes nos itens da planilha da obra. Isto não significa dizer que ela esteja parada. Tão logo essa fase, de replanilhamento, seja concluída, a obra será retomada normalmente”.

Ele ainda afirmou que “70% da obra já foi executada pela empresa responsável e o valor repassado para a empresa foi feito por conta dos itens da obra que foram executados”.

Transforme os problemas de sua cidade ou de seu bairro em notícia. Mantenha contato com o paraibaja.com.br, através do Facebook, Twitter ou WhatsApp (83) 9.8756.4246.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here