Vereador diz que líder de Cartaxo quer calar a oposição com ameaças

0

Para o vereador Humberto Pontes (PTdoB), o líder do prefeito na Câmara, Helton Renê (PCdoB), está tentando “calar a oposição”. Após a confusão ocorrida na manifestação dos agentes de saúde, na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), na última terça-feira (16), Helton vem afirmando que está disposto a pedir a cassação de mandato dos vereadores da oposição se posicionaram a favor dos manifestantes.

“Isso tem o objetivo de tentar calar a gente da oposição. A manifestação dos servidores da saúde é porque eles estão sendo enrolados pela gestão Municipal, tentaram várias vezes serem recebidos e não conseguiram. Numa audiência pública, o acesso é aberto. Estão querendo nos colocar na Comissão de Ética por estar defendendo o direito dos trabalhadores. Muito nos estranha Helton Renê  ser de um partido de esquerda comunista, seja contra a luta dos trabalhadores”, disse.

Os agentes de saúde que participaram da manifestação, estavam tentando ter voz através dos seus representantes na Câmara Municipal, essa é a opinião de Humberto, que relatou que foi formada uma comissão entre as bancadas de oposição e situação, para intermediar o dialogo com o prefeito Luciano Cartaxo (PSD).

“Eu não vi nenhum vereador instigando a confusão na Câmara. Sandra Marrocos, estavam tentando separar e acalmar os ânimos dos manifestante, que estavam chateados pois por cinco vezes foram enganados e estavam ali fazendo um apelo para que a Câmara pudesse ser a voz deles. Tanto que montamos uma comissão com vereadores da situação e oposição para intermediar o dialogo com a prefeitura, em nenhum momento os vereadores estavam gostando do que estavam vendo, pelo contrário, estamos tentando mediar um conflito”

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here