Com gol de Durval aos 50 minutos, Sport vence a primeira semifinal contra o Campinense

0

Os dois rubro-negros fizeram um jogo, acima de tudo, franco. Aberto. Com os dois times deixando o rival jogar. E ambos jogaram, cometendo erros, perdendo posses de bola, se atrapalhando. Mas ainda assim chegando com perigo à meta rival. E cada um dos times tiveram seus momentos. O Sport começou melhor. O Campinense aos poucos começou a equilibrar o duelo. E depois também foi melhor. Os times se revezavam no ataque. Os lances foram saindo. Bruno Corrêa acertou a trave. O Leão respondeu, com dois lances de perigo. No segundo tempo, as chances foram ainda melhores. Mas destaque para duas. Do lado do Campinense, a chance mais incrível foi de Adalgiso Pitbull. Ele, à queima-roupa, chutou no goleiro, que fez uma defesa incrível. Tão incrível quanto a defesa de Glédson, no chute de Johnathan Gaúcho. O 0 a 0 parecia inevitável. Parecia. Aos 50, Durval, matador, mostrou que na Ilha do Retiro quem manda é ele.

Com gol de Durval aos 50 minutos, Sport vence a primeira semifinal contra o Campinense
ELE AVISOUO zagueiro Durval dá poucas entrevistas no Sport, mas nesta semana chamou a responsabilidade e resolveu falar antes do jogo contra o Campinense. E em uma das respostas parece ter profetizado. Disse que se um paraibano tivesse que comemorar nesta quinta-feira, este seria ele próprio. O zagueiro do Sport é natural de Cruz do Espírito Santo, no interior da Paraíba, e marcou o gol da vitória do Leão aos 50 minutos do segundo tempo.

Com gol de Durval aos 50 minutos, Sport vence a primeira semifinal contra o Campinense
A HORA DA VERDADEO dia e a hora das definições já estão confirmadas. O jogo de volta vai ser no próximo domingo, no Estádio Amigão, em Campina Grande. O duelo começa às 16h.

Com gol de Durval aos 50 minutos, Sport vence a primeira semifinal contra o Campinense
E ESTE GOL NO FINAL, HEIM? O QUE ACONTECE?A vitória deu uma vantagem relativamente boa para o Sport. O Leão da Ilha agora joga por um empate. Ou mesmo por uma derrota de um gol de diferença, desde que marque gols em Campina Grande. Se vencer, claro, também passa. O Campinense, por sua vez, tem que marcar gol. Ou gols. Se marcar apenas um e vencer por 1 a 0, teremos pênaltis. Para evitar as penalidades e passar direto, a vitória da Raposa tem que ser por dois gols de diferença.

EMOÇÃO DEMAIS, APESAR DA FALTA DE TÉCNICA

Foi um jogão. Muito mais pela emoção, pelas jogadas, pelas belas defesas e pelas roubadas de bola, do que pela técnica e a habilidade em si. Mas quem foi à Ilha do Retiro, certamente se arrepiou. Ficou muitas vezes sem ar. E viu o coração acelerar. Foi uma partida completamente franca, em que ambos os clubes poderiam ter saído com a vitória, em que os dois goleiros brilharam. No fim, contudo, no detalhe, nos acréscimos, deu Sport. Deu Durval, o paraibano que já foi campeão pelo Botafogo-PB e que foi o vilão da Raposa (rival do Belo, mas também do Leão).

Com gol de Durval aos 50 minutos, Sport vence a primeira semifinal contra o Campinense
As informações são do G1.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here