CDL prevê aumento do desemprego no comércio de João Pessoa este ano

    0

    Momentos difíceis. Essa é a previsão da Câmara de Dirigentes Lojistas de João Pessoa (CDL/JP) para o comércio este ano. Isso porque a inflação está cada vez mais alta, assim como o desemprego e desta forma, o poder aquisitivo das pessoas diminui.

    De acordo com o vice-presidente da entidade, Nivaldo Vilar, em entrevista ao Paraíba Já, a instabilidade política afeta diretamente o setor de comércio e serviços e elencou outros fatores que prejudica o pleno desenvolvimento deste setor econômico.

    Leia mais:

    Expectativa da CDL é de apenas 2% de aumento nas vendas do comércio de JP
    Vendas de Natal caíram 1% nos shopping centers neste ano

    “Teve agora esse aumento de gasolina que afeta todo o comércio em geral, porque é um custo a mais que vai se acrescentar. Aí vem os juros altos e a gente não vê um cenário positivo para 2016, infelizmente. Inclusive o mês de dezembro está se desenhando para que tenha queda nas vendas. As dificuldades são essas, aí vem outros fatores negativos, como essa instabilidade política. Não tá tendo investimento no país. Enquanto não resolver essa instabilidade com certeza não vai ter investimento e a Paraíba não fica atrás, nós estamos dentro do cenário. Essas são as perspectivas, infelizmente. Consequentemente, o que vai acontecer? Mais desemprego, né. O empresário tem que enxugar os custos, e hoje em dia o maior custo que nós temos é a mão de obra”, avaliou.

    Sobre as vendas do mês de dezembro, Nivaldo foi claro. “A gente não tem ainda uma posição correta, mas em alguns setores a gente vendeu bem menos. Só vamos ter o fechamento nesta semana, inclusive da linha branca. O que a gente tá vendo que teve queda foram lojas de departamento, eletrodomésticos, automóveis e alguns outros setores”, afirmou.

    Questionado sobre as próximas datas festivas, o vice-presidente não demonstrou muito entusiasmo. “O carnaval é uma data festiva que atinge mais o setor de bares e restaurantes, então esses setores não são muito afetado. Um setor, aliás, que tem aumentado nesse momento de crise. Agora pra o setor comercial, não é tão bom”, disse.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here