Renato Gadelha minimiza saída de Manoel Jr. do PSC: “queria um partido para chamar de seu”

O deputado estadual Renato Gadelha (PSC) minimizou a saída do vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Jr., que agora preside o Solidariedade na Paraíba. Segundo Gadelha, Manoel queria um partido para “chamar de seu”, após o insucesso nas eleições deste ano.

“Manoel Jr. fazia parte do MDB, veio para a legenda do PSC com o intuito de se candidatar a senador ou deputado federal. Foi candidato a deputado, não obteve êxito e quis um partido para chamar de seu”, afirmou.

Publicidade
ALPB

Segundo Renato, por ter proximidade com Paulinho da Força, presidente nacional do Solidariedade, Manoel “se jogou nos braços” do partido.

As falas do parlamentar foram registradas durante entrevista ao programa ‘Rádio Verdade’, da Arapuan FM.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]