O governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB), durante lançamento do programa ‘Mais Trabalho 2’, em solenidade no Palácio da Redenção, ironizou as alegações do senador Cássio Cunha Lima sobre a intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro. Um dos argumentos do tucano é o de que o crime organizado poderia migrar do Sudeste para o Nordeste.

“Evidentemente uma pessoa que conspirou contra um regime democrático, diferentemente de outros que apenas votaram, mas ele conspirou manhã, tarde, noite e madrugada para derrubar um governo sem crime de responsabilidade, eu não esperaria nada diferente do que essa baboseira de dizer para o ministro impedir que alguém viage, como se [os criminosos] fossem viajar apresentando passaporte”, disse.

Ricardo lembrou ainda que o número de homicídios mais que dobrou na época em que Cássio governou a Paraíba, porém, hoje o mesmo se apresenta como a solução para a questão da violência.

“O mal feito que ele fez quando governou o Estado, desestruturou toda a segurança quando teve a coragem de pegar uma taxa de CVLI (Crimes Violentos Letais Intencionais) de 17, na verdade era menor ainda, mas era o valor no primeiro ano de gestão dele e sair com uma taxa de 35, mais que o dobro a cada 100 mil habitantes demonstra bem de quem é a responsabilidade por esse surto de violência na Paraíba”, alegou.

Camara Municipal