Prática de nepotismo: MPPB abre mais uma investigação contra Tatiana Lundgren

Órgão resolveu instaurar inquérito após constatar os vínculos de parentesco nos relatórios integrados na denúncia contra a ex-gestora

A ex-prefeita do município de Conde, Tatiana Lundgren Correa, será investigada mais uma vez pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) por suposta prática de nepotismo no setor referente ao Programa Bolsa Família, na sua gestão no ano 2015.

O MPPB resolveu instaurar inquérito civil público, após constatar os vínculos de parentesco nos relatórios integrados na denúncia contra Tatiana Lundgren Correa, bem como nas fichas funcionais encaminhadas pela Secretaria Municipal de Administração de Conde.

Caso seja constatado a prática de nepotismo, a ex-prefeita poderá ser acusada de prática de improbidade administrativa. Os poderão acarretar na suspensão dos direitos políticos, a perda da função pública, a indisponibilidade dos bens e o ressarcimento ao erário.

A portaria que autoriza a investigação foi publicada no Diário Oficial Eletrônico do MPPB, em 14 de outubro e assinada pela promotora de Justiça, Cassiana Mendes de Sá.

Confira o inquérito civil na íntegra