Polícia apreende mais de duas toneladas de maconha em casa no Conde

A Polícia Militar apreendeu 2.135 quilos de maconha, no início da tarde desta terça-feira (9), em uma casa que era utilizada pelo tráfico para o armazenamento e distribuição de drogas, na cidade do Conde, no Litoral Sul da Paraíba. A residência que guardava toda a carga ficava em uma área pouco habitada, no distrito de Jacumã, onde geralmente só tem movimentação de pessoas durante o verão. Esta foi a maior apreensão já registrada este ano no Estado.

A PM chegou até a residência, que estava em construção e com as drogas espalhadas pelos cômodos, por meio de denúncias que relatavam que pessoas suspeitas estariam entrando e saindo com frequência na casa, o que não é comum nesta época do ano, conforme contou o comandante da 1ª Companhia Independente, major Melquisedec Lima.

Publicidade
ALPB

“Esse fato relatado nas denúncias chamou a atenção, principalmente por ser em uma área desabitada e afastada do centro de Jacumã. Enviamos equipes até o local e lá foi encontrada toda essa droga, que era guardada por dois suspeitos que conseguiram fugir ao perceber que as viaturas estavam próximas. Eles estão sendo procurados”, detalhou o major.

Além do entorpecente, a PM encontrou também anotações que possivelmente eram da movimentação financeira do tráfico e indicavam prováveis destinatários da maconha. Todo o material será objeto de investigação e foi levado para a Polícia Federal, em Cabedelo.

Mais de 4,5 toneladas de drogas apreendidas este ano

A Polícia Militar chega ao 10º mês de 2018 com um saldo operacional de 4.628 kg de drogas retiradas de circulação na Paraíba, em ações e operações próprias ou em conjunto com outras instituições, a exemplo da que aconteceu em Itabaiana, em 24 de fevereiro deste ano, quando as Polícias Militar e Civil apreenderam 1.678 quilos de maconha e prenderam três suspeitos.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]