HU de João Pessoa realiza atendimentos ambulatoriais através do Whatsapp

Emissão de receitas para pacientes que utilizam medicação de uso contínuo e a distribuição de medicamentos para usuários cadastrados são alguns dos serviços que continuam em funcionamento no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB/Ebserh), da Universidade Federal da Paraíba e vinculado à Rede Ebserh. Como uma das medidas contra o avanço do coronavírus, o ambulatório está com as atividades suspensas desde o dia 18 de março. Consultas e exames serão remarcados tão logo o serviço volte.

No caso do ambulatório de Pneumologia, a coordenação do serviço disponibilizou um número de telefone para que pacientes já acompanhados no serviço possam entrar em contato a fim de tirar dúvidas e garantir a emissão das receitas de remédios de uso continuado. Basta entrar em contato através do número é o (83) 98143-9273, que funciona também como aplicativo de mensagens. Para facilitar o atendimento, tenha em mãos o nome completo do paciente, o número do prontuário do HULW, a data de retorno para a consulta e os remédios dos quais faz uso.

De acordo com o chefe do serviço, o pneumologista Agostinho Neto, pacientes que necessitam de receita ou que precisam mostrar resultado de exames podem entrar em contato pelo WhatsApp, pois serão atendidos. “A orientação é que essas pessoas solicitem através do aplicativo de mensagens e sigam orientação personalizada. No caso de laudos ou receitas indispensáveis, o usuário deve seguir a orientação recebida e, se for o caso, mandar portador receber os impressos no próprio ambulatório, em hora marcada, onde haverá um colaborador para atendê-la”, explica o médico.

O pneumologista alerta que não deve haver comparecimento de pacientes para consultas ou solicitações presenciais, já que a recomendação é que se evite aglomerações. “As atividades no ambulatório foram suspensas justamente para que não haja grande número de pessoas no local. Pelo telefone, é possível tirar dúvidas sobre a pandemia do coronavírus, doenças prévias e sobre o funcionamento do ambulatório”, destacou.

Todos os meses, são realizados entre 900 e 1 mil consultas e exames no ambulatório de pneumologia do Hospital Universitário Lauro Wanderley. Os registros mais frequentes são relacionados a enfermidades como Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), asma, tuberculose, investigação de nódulo pulmonar, apneia do sono, doenças pulmonares intersticiais e hipertensão pulmonar.

Comente