Em mensagem de Páscoa, secretário de Saúde reforça pedido para paraibanos: “fiquem em casa”

O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros divulgou, nesta sexta-feira (10) um vídeo nas redes sociais para desejar uma Feliz Páscoa aos paraibanos e aproveitou para reforçar o pedido para que a população fique em casa, seguindo a recomendação dos órgãos de saúde de evitar aglomerações como medida de prevenção à pandemia do novo coronavírus.

“Fique em casa. É fundamental nesses próximos 30 dias que tenhamos a convicção de que só existe um meio de combatermos o coronavírus, que é através do distanciamento social. Precisamos preservar nossos pais, avós, bisavós, que são as grandes vítimas do coronavírus e que incide o mais número de complicações e de óbitos”, lembrou o secretário.

Geraldo também destacou que a Secretaria de Saúde do Estado (SES) vem adotando uma série de medidas para garantir o atendimento aos paraibanos infectados pelo vírus.

“Adotamos uma série de medidas no sentindo de ter uma retaguarda com segurança de leitos hospitalares, a edificação do Hospital Solidário com 130 leitos, temos UTI com 20 leitos disponíveis com todos os equipamentos no Hospital Metropolitano e mais 40 leitos de enfermaria e isolamento. São 70 leitos de UTI no Hospital Clementino Fraga. O Estado alugou o antigo Hospital Santa Paula com mais 150 leitos, que estarão disponíveis para os paraibanos que adquirirem o coronavírus”, afirmou.

O secretário comentou sobre a oferta de atendimento para a população do interior do Estado. De acordo com ele, a SES tem o suporte necessário para atender os casos oriundos dessas localidades.

“Aos paraibanos do interior, temos todo um aparato de 17 ambulâncias, no sentindo de remanejar apenas aqueles pacientes graves do interior, que necessitam serem tratados no centro de referência ou em Campina Grande ou em João Pessoa. Em Campina Grande, temos 66 leitos no Hospital de Emergência e Trauma, 40 leitos no Hospital Pedro I, 12 leitos de UTI no Hospital Universitário Alcides Carneiro e 12 de enfermaria. Então, o Estado da Paraíba está preparado para o enfrentamento ao coronavírus”, destacou.

Ao finalizar, Geraldo foi enfático no pedido para que os paraibanos fiquem em casa, pois essa é uma medida importante para conter a disseminação do vírus. “A única coisa que solicitamos a sociedade e aos paraibanos é que fiquem em casa, porque o isolamento social é fundamental nesses próximos 30 dias para que tenhamos poucos casos de coronavírus e o menor número de mortes no estado”, pontuou.

Veja o vídeo:

Comente