Covid-19: ala no Trauma de CG é desativada após aumento de vítimas de acidentes de trânsito

Direção da unidade informou que agora, o hospital deixa de receber pacientes com coronavírus para voltar a atender na área de traumatologia

A ala destinada para atender pacientes infectados pelo novo coronavírus, instalada no Hospital de Trauma de Campina Grande, começou a ser desativada nesta quarta-feira (2). A desativação foi motivada pela alta demanda de vítimas de acidentes no trânsito.

A direção da unidade hospitalar informou que agora, o hospital deixa de receber pacientes da Covid-19 para voltar a atender na área de traumatologia.

A ala direcionada aos pacientes da Covid-19 tinha cerca de 60 leitos e de acordo com a direção, houve uma queda significativa no número de atendimentos de pessoas com a doença.

Atualmente, o Hospital Municipal Pedro I, no município, é referência inicial para o diagnóstico e tratamento do novo coronavírus.

Comente