Botafogo-PB e Treze fazem o Clássico Tradição pela Série C do Brasileirão

Cinco anos depois, Botafogo-PB e Treze voltam a se encontrar na Série C do Campeonato Brasileiro. Nesta segunda-feira (24), as equipes jogam pela nona rodada do Grupo A, no estádio Almeidão, em João Pessoa, às 20h. Sem se enfrentar no Paraibano, este será o primeiro Clássico Tradição de 2019.

Com um jogo a menos, uma vez que o duelo contra o Náutico foi adiado, o Belo tem 12 pontos e ocupa a quinta colocação, e quer vencer para voltar ao G4. Já o Galo, na vice-lanterna com 6 pontos, busca os três pontos para deixar a zona de rebaixamento.

O último jogo entre os dois times na terceira divisão aconteceu em 2014, quando os pessoenses venceram por 1 a 0, em pleno estádio Presidente Vargas, em Campina Grande, com gol marcado pelo meia Chapinha.

Para o Clássico Tradição de logo mais, o Botafogo-PB não vai poder utilizar o lateral esquerdo Fábio Alves, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Em seu lugar, o técnico Evaristo Piza vai promover a estreia de Neuton, que chegou há duas semanas na Maravilha do Contorno. O meio campista Marcos Aurélio, recuperado de lesão na coxa direita, voltará a ser relacionado e deve começar entre os titulares.

Em busca de sua segunda vitória no torneio, o Treze tem novidade no banco de reservas. Depois da derrota para o Confiança-SE pela oitava rodada, o treinador Flávio Araújo entregou o cargo. Em seu lugar, o auxiliar Kleber Romero foi efetivado no cargo. Dentro de campo, o Galo não vai contar com os volantes Robson Luiz, que não foi regularizado, e Diego Silva, que fica de fora com uma lesão na coxa.

Arbitragem

O trio que dirige a partida vem de São Paulo, e é composto por Vinícius Gonçalves Dias Araujo, que apita o jogo, e Bruno Salgado Rizo e Fabrício Porfirio de Moura, seus auxiliares. O quarto árbitro será Gleydson Ferreira Leite, de Pernambuco.

Escalações

Botafogo-PB: Saulo, Neilson, Fred, Willian Goiano, Neuton; Rogério, Marcos Vinicius, Juninho, Clayton, Marcos Aurélio (Kelvin); Nando. Técnico: Evaristo Piza.

Treze: Mauro Iguatu, Edy, Ítallo, Anderson Penna, Silva; Elielton, Coppetti, Júlio Pacato, Marcelinho Paraíba; Gil e Eduardo. Técnico: Kleber Romero. As informações são do Voz da Torcida.

Comente