Publicidade
Brasil

Após acidente na Etiópia, Anac suspende voos com Boeing 737-8 Max

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) determinou a suspensão dos voos com aviões Boeing 737-8 Max, no Brasil. A diretriz deve ser cumprida imediatamente, inclusive pelas empresas que já tinham anunciado a suspensão de suas operações, como a Gol Linhas Aéreas.

A medida foi anunciada ontem (13), três dias após a queda de um avião da companhia aérea Ethiopian Airlines, perto da cidade de Bishoftu, a 62 km de Adis Abeba, no Quênia. As 157 pessoas que estavam a bordo do modelo 737-8 Max morreram no acidente, cujas causas ainda estão sendo investigadas. Vários países suspenderam a utilização do modelo.

Em nota divulgada na noite desta quarta-feira (13), a Anac informou que, antes de determinar a suspensão das operações, contatou a agência reguladora do setor aéreo dos Estados Unidos, a Federal Aviation Administration (FAA); a Boeing e a companhia Gol, única a utilizar o 737-8 Max no Brasil.

Em janeiro de 2018, especialistas da Anac avaliaram o modelo da Boeing antes da Gol colocá-lo em operação. Após identificar diferenças operacionais em relação aos modelos anteriores, a agência exigiu que os funcionários da companhia recebessem treinamento para operar as novas aeronaves.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Mostrar mais

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar