O vereador Lucas de Brito (PV), na manhã desta segunda-feira (11), defendeu a chapa composta pelo irmão gêmeo do prefeito de João Pessoa, Lucélio Cartaxo (PV), e a esposa do prefeito de Campina Grande, Micheline Rodrigues (PSDB). Para o vereador, a chapa não se trata de familismo e sim uma intenção de manutenção do projeto político de Luciano Cartaxo (PV) e Romero Rodrigues (PSDB). As declarações foram dadas na Band News FM.

De acordo com ele, os prefeitos “resolveram entregar o bastão de seus projetos, e da forma de fazer política, para pessoas que estavam no seu entorno e no dia a dia”.

Publicidade
ALPB

Contradizendo sua defesa a Cartaxo e Romero, para rebater o governador Ricardo Coutinho (PSB), que criticou a chapa criada pela oposição taxando-a como prática de “familismo”, Lucas afirmou que a chapa do PSB, que tem com pré-candidato João Azevêdo, é de “continuísmo de governo”, e caso os socialistas saiam vitoriosos será o governo “Ricardo Coutinho III”.

Comente

Camara Municipal