Prefeito garante construção de paradas de ônibus adaptadas para cadeirantes

    1

    A ‘novela’ dos transportes públicos de Bayeux tem reservado uma nova emoção a cada capítulo. Na última quinta-feira (21), o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) transferiu a responsabilidade da falta de acessibilidade para cadeirantes na frota da empresa Metro, à Prefeitura de Bayeux, alegando falta de plataformas nas paradas dos ônibus da cidade para que os elevadores possam baixar e os cadeirantes terem acesso ao interior dos transportes.

    Leia também:

    Vídeo: População de Bayeux denuncia irregularidades no transporte público

    Solução para transporte público em Bayeux é cassar concessão de empresa, diz vereador

    Em entrevista ao Paraíba Já, o prefeito Expedito Pereira (PSB) afirmou que as plataformas já existiram na cidade, porém foram desativadas por falta de uso. Ele ainda justificou que este não seria um motivo para que os ônibus não baixassem os elevadores de acessibilidade, já que as ruas por onde os transportes de passageiros trafegam são largas.

    “Bayeux tinha plataformas que, com o tempo, deixaram de ser usadas e foram desativadas, não na minha gestão, mas em outras. Agora, isso não é motivo para causar transtorno, porque com o binário da Liberdade, como a outra via criada, são largas, e as paradas dos ônibus não interrompem o trânsito”, explicou o prefeito.

    Expedito, porém, plantou uma semente de esperança aos cadeirantes da cidade. Ele afirmou que estão sendo construídas paradas de ônibus que permitirão a acessibilidade, mesmo a frota de ônibus da empresa Metro não estando adaptada. O prefeito prometeu, também, cobrar uma fiscalização mais efetiva do DER, que órgão responsável pela fiscalização dos transportes coletivos de Bayeux.

    “As paradas de ônibus estão sendo adaptadas para garantir o acesso dos cadeirantes. Elas estão sendo construídas e acredito que em dois ou três meses serão concluídas. No entanto, é importante ressaltar que a frota de ônibus não está adaptada e eu tenho cobrado isso do DER, pois a fiscalização dos ônibus intermunicipais é de competência deles. Vou continuar cobrando, pois eu sou um grande cobrador”, assegurou o prefeito.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here