Prefeito paraibano cancela festas juninas e bota culpa nas crises hídrica e econômica

    0

    O prefeito de Queimadas, Jacó Maciel (PSD), decidiu cancelar as festividades juninas deste ano devido a crise hídrica que assola os municípios paraibanos e a crise econômica.

    Segundo o prefeito, o investimento dos festejos será revertido na perfuração de poços na zona rural do município. “Estamos enfrentando estiagem e dificuldades econômicas e não convém realizarmos festas quando temos necessidades mais urgentes. Nesse momento, temos que priorizar a necessidade da população”, disse.

    Queimadas está entre os 170 municípios paraibanos que foram decretados em estado de emergência pelo Governo do Estado. Será a primeira vez no mandato de Jacó Maciel que as festas de São João não serão realizadas, a prefeitura decidiu priorizar o bem coletivo para proporcionar melhor bem estar as comunidades que se encontram em estado crítico em meio a crise hídrica.

    O Açude de Boqueirão não recebeu água suficiente nos últimos anos para garantir o abastecimento da cidade, o que acarretou em um colapso elevado.

    Em uma Audiência Pública com a Frente Parlamentar da Água, o vice-prefeito José Gerailton, juntamente com uma comitiva de prefeitos paraibanos, se reuniram com o governador Ricardo Coutinho, que declarou que o estado também vem sofrendo dificuldades, tanto é que foi suspensa  por 40 dias, a liberação de recursos para os festejos juninos. Desta forma, não garantiu assistência a Queimadas, nesse primeiro instante.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here