A prefeita de Conde, Márcia Lucena (PSB) acredita que as investigações da polícia pode descobrir novas provas contra a ex-prefeita Tatiana Côrrea (PT do B).

“Há muito tempo que o Conde estava sem gestão, longe das políticias públicas e do desenvolvimento, tudo isso abre espaço para os maus hábitos e ‘ocupações’ inadequadas. Eu espero que tudo seja revejado, esclarecido, a fim de que a população saiba quanto custou esse abandono e esse desprespeito”, destacou a socialista.

Segundo Márcia, parte da população insinuava que ela estava olhando para o retrovisor quando contestava os atos da antiga gestão, mas agora todos conseguem ver a gravidade da situação.

“Está vindo à tona a real situação encontrada pela gestão atual. Muitas pessoas dizem, vamos parar de olhar pelo o retrovisor; e o que vemos com esta operação é que o problema é muito maior do que a população do Conde e da Paraíba podia imaginar. Estaremos, como toda população, atentos aos movimentos”, disse a prefeita.

Durante as investigações foram encontrados indícios de fornecimento de notas fiscais para justificar serviços prestados por uma empresa, mas realizados por outras. A polícia apurou que suspeitos investigados apresentaram renda incompatível com a renda. Andrea Soares chegou a depositar, numa conta da Caixa Econômica, em espécie, em janeiro do ano passado, mais de R$ 220 mil em espécie, em nome de uma empresa. Várias empresas estão sendo investigadas, que segundo a polícia, eram usadas para fraudar processos de contratação e pagamento.

Nas investigações a polícia descobriu que Alex Martins da Silva, marido da ex-prefeita de Conde, Tatiana Lundgren, apresenta um patrimônio incompatível com sua renda, inclusive o veículo de sua propriedade é uma Land Rover, avaliada em R$ 176 mil. A quadrilha, de acordo com a Polícia Civil, está sendo investigada por lavagem de dinheiro, desvio de recursos, falsificação de documentos, tráfico de influência, entre outras fraudes.

O delegado revelou que outras pessoas estão sendo investigadas e cerca de 50 podem estar envolvidas.

Comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here