Em entrevista ao Jornal da Record News, Ricardo afirma que NE pode apontar a saída para crise

    0

    Em entrevista ao jornalista Heródoto Barbeiro, na edição do Jornal Record News exibida na noite desta sexta-feira (3), o governador
    da Paraíba, Ricardo Coutinho, analisou a situação de retração da economia enfrentada pelo país. Líder reconhecido nos encontros regionais e nos diálogos com a presidente da República, Ricardo apontou como caminho para a retomada do crescimento a conclusão das obras de transposição do São Francisco e mais investimentos para os nove Estados nordestinos.

    “O grande desafio do Brasil é compreender que o Semiárido não é um problema. O Semiárido tem que ser visto como solução, e isso vale para o Nordeste como um todo. O Nordeste se desenvolve 27% acima da média do crescimento do PIB [Produto Interno Bruto – resultado financeiro da soma de todos os bens e serviços produzidos no país], ou seja, ele é uma solução. O país avança, indiscutivelmente, com a industrialização do Nordeste”, aponta.

    Ainda sobre desafios, Ricardo ressaltou o de governar diante do atual cenário econômico. “Você não pode ter uma despesa, que aumenta a cada ano, e uma diminuição de receita que perde para a inflação do ano, mas que também cai em função da retração, em um momento muito delicado”, e alertou: “Não vale tudo para alcançar uma determinada meta, a economia precisa sobreviver”.

    Assista o vídeo aqui.

    O governador da Paraíba também falou sobre o impacto das medidas do ajuste fiscal reforçando a garantia da presidente da República de que não faltarão recursos para o enfrentamento da crise hídrica. “Impacta, por exemplo, no conjunto de obras em parceria com o governo federal. No diálogo que tivemos [governadores do Nordeste] com a presidente Dilma, nos foi dito e acertado que não haveria cortes na questão da infraestrutura hídrica para o Semiárido”, e destacou os avanços da política social brasileira:

    “O Nordeste está há quatro anos com a pior estiagem dos últimos 80 anos. Não aflorou a fome, como em outras épocas, e é sinal que o
    Brasil deu um passo importante, mas é fundamental que a gente conclua os grandes investimentos, e o maior deles é a Transposição do São
    Francisco. É uma obra que anda e será concluída, não tenho dúvida disso”, assegurou Ricardo Coutinho.

    Do Jornal A União

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here