Cássio na comissão do impeachment é um ‘acinte à inteligência do povo’, diz deputado

0

O deputado estadual Anísio Maia (PT), em entrevista ao Paraíba Já, demonstrou seu descontentamento com o fato de ter o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), investigado por corrupção, ser membro da Comissão do impeachment.

“O que mostra que esse impeachment é uma farsa. É um acinte a inteligência. Mais uma vez, políticos corruptos vão julgar uma presidente honesta. Encabeçando a lista, Cássio Cunha Lima e todos os demais. É um acinte a própria inteligência do povo brasileiro”, disse.

O parlamentar diz que há uma partidarização quanto as investigações de crimes de corrupção no país. “Os outros partidos falam de corrupção para fugir da corrupção. Há um complô no Brasil para dizer que a corrupção é só um partido, com o objetivo dos outros escaparem, e o juiz Sérgio Moro contribuiu para isso. Não é à toa que 99% dos que votaram pela admissibilidade do impeachment estão envolvidos e processados por corrupção. É a maior hipocrisia do mundo. Foi por isso que eu disse que aquela votação reuniu a maior quantidade de corruptos num lugar só”, afirmou.

“Ele tem há três anos um processo guardadinho o processo contra Cássio Cunha Lima. Mas não é só ele, até o Supremo também é conivente. O Supremo julgou a questão da ida de Lula ao ministério há uma semana. E faz três anos que o processo de Cunha Lima tá guardado na gaveta, há até uma conivência do Supremo com relação a isso. O Supremo, pela omissão, ao ajudou”, esclareceu.

O deputado atribuiu também a isso, uma espécie de identidade ideológica do juiz Sérgio Moro aos partidos de direita do país, ressaltando principalmente o PSDB. “Ele tem identidade, amizade, convivência e afinidade com o PSDB. O pai dele é filiado ao PSDB, a esposa dele é assessora do vice-governador do PSDB, então ele é altamente comprometido com o PSDB, portanto, o foco dele é o PT, que ele tem como objetivo destruir o PT. Ele não tem como objetivo investigar a corrupção, ele tem como objetivo destruir o PT”, explicou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here