Campinense segura o Botafogo e mantém boa vantagem na fase final do Paraibano

    0

    Campinense e Botafogo-PB se enfrentaram na noite desta quarta-feira (27) no Estádio Amigão, em Campina Grande, pela terceira rodada do quadrangular final do Campeonato Paraibano. A partida tinha um clima de “final antecipada”, pois a Raposa, em caso de vitória, abriria sete pontos de vantagem, e ficaria próximo do título Estadual. Já em caso de triunfo do Belo, ele encostaria no rubro-negro, dando mais emoção ao torneio.

    Mas não aconteceu nem uma coisa, nem outra. O Botafogo-PB abriu o placar do jogo logo no início do primeiro tempo, mas aos 47, também da primeira etapa, a Raposa empatou em cobrança de pênalti, fechando o placar da partida em 1 a 1.

    Com o resultado o Campinense permanece na liderança isolada do quadrangular final com 7 pontos, quatro a mais que o Botafogo-PB, vice-líder. As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (03) no Almeidão. Antes, no sábado, o Belo enfrenta o Confiança-SE pela Série C.

    O jogo

    O jogo começou bastante movimentado, e logo aos 4 minutos o Campinense quase abriu o placar com Osvaldir em cobrança de falta, mas Edson defendeu em dois tempos. Mas quem conseguiu inaugurar o marcador foi o Botafogo-PB. Em jogada de contra-ataque, aos 7 minutos, Doda achou João Paulo na esquerda, ele ganhou na velocidade do zagueiro, puxou para o meio e bateu de direita, cruzado, no ângulo de Glédson, marcando um golaço no Amigão.

    O Campinense teve grande chance de empate ainda na primeira etapa aos 39 minutos, quando Luiz Fernando cruzou na área. O zagueiro Joécio subiu mais que todo mundo e desviou de cabeça. A bola passou com perigo, quase beijando o travessão do goleiro Edson.

    Mas o empate mesmo veio aos 45 minutos, quando Guto cometeu pênalti em Felipe Alves. O próprio atacante cobrou com categoria, de cavadinha no meio do gol, e empatou o jogo antes do intervalo.

    Segundo tempo

    A segunda etapa começou mais morna, com as duas equipes mais contidas. O Campinense veio mais fechado, após conseguir o empate no fim do primeiro tempo, e o Belo não queria se expor, e tocava a bola no campo de defesa.

    Com mais posse de bola, o Botafogo-PB teve a única chance do segundo tempo aos 14 minutos, quando Guto avançou bem pela direita e cruzou para Rafael Oliveira. O atacante foi de carrinho na bola e por pouco não encostou para fazer o gol.

    As duas equipes jogavam no erro do adversário, e sem se arriscar muito, houve pouco espaço para a criação de jogadas, e consequentemente, de oportunidades mais perigosas.

    As informações são do blog Voz da Torcida.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here