Vereadora é vítima de comentários machistas e tem fala cortada em sessão, na PB

Presidente da Câmara afirmou que a parlamentar seria inexperiente por estar no seu primeiro mandato e ameaçou cortar a sua fala

Mais um caso de violência política de gênero foi registrado na Paraíba. Dessa vez, o caso ocorreu na Câmara de Vereadores de Santa Luzia, no interior do Estado. A vereadora Hianna Nóbrega foi vítima de comentários desrespeitosos e impedida de concluir a sua fala por parte do presidente da Casa.

Em um vídeo da sessão, que aconteceu  nessa quarta-feira (29), é possível ver o momento em que a parlamentar é interrompida pelo vereador. Ele afirma que Hianna seria inexperiente por estar no seu primeiro mandato e ameaça cortar a sua fala.

“A vereadora não tem muita experiência, primeiro mandato né, muitas coisas tem que pesquisar”, afirmou o parlamentar.

No vídeo, é possível ver, ainda, que o presidente da Câmara continua interrompendo a fala da vereadora com comentários a exemplo de: “se vossa excelência não sabe o regimento vá ler”.

O caso ganhou repercussão e a vereadora ganhou o apoio de diversas mulheres, a exemplo da secretária executiva de Estado da Mulher, Cristiana Almeida. “Essa atitude, que desvaloriza e menospreza uma representante eleita, exemplifica práticas discriminatórias que minam a participação igualitária das mulheres no cenário político. É imperativo condenar tais comportamentos para promover uma sociedade justa e inclusiva.
Minha total solidariedade e respeito a vereadora Hianna Nóbrega”, escreveu em suas redes sociais.

Veja vídeo: