- Publicidade -
Política

Vereador diz que demora do Judiciário só ajudou Cartaxo e o presidente da CMJP

O prefeito Luciano Cartaxo (PSD) tem medo da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga supostos desvios da obra da Lagoa. Pelo menos está é a única explicação encontrada pelo  líder da oposição na Câmara de João Pessoa (CMJP), Renato Martins (PSB), para a demora no recebimento do despacho de urgência encaminhado pelo juiz Marcos Sales dado no dia quatro de abril, porém só recebido pelo presidente da CMJP, Durval Ferreira (PP), no último dia 19 .

- Continua depois da publicidade -

“Não há duvidas a relação entre o presidente da Câmara e o prefeito para procrastinar ou inibir a CPI, não há duvidas. O prefeito Cartaxo tem medo da CPI, é um fato. Ele expulsou os vereadores, ameaçou, todo tipo de artimanhas entre quatro paredes ele faz para evitar essa CPI”, criticou.

Para Renato a procrastinação para a entrega do despacho a Durval compromete a imagem do Judiciário.

“Isso não é legal, não é sadio para a República, não é bom para a imagem do judiciário e a gente aguarda que essa questão seja equacionada e a justiça seja feita”, relatou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar