Publicidade
Política

Vereador diz que cidadania a Bolsonaro é ilegal e acionará Justiça

Petista alega que menos que 2/3 do plenário aprovaram a honraria

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) aprovou, nesta quarta-feira (20), o título de cidadania pessoense ao presidente Jair Bolsonaro (PSL). foi votada a concessão de Título de Cidadão Pessoense ao atual Presidente da República Jair Bolsonaro. Votaram contra a concessão apenas os vereadores Marcos Henriques, Sandra Marrocos e Tibério Limeira; 12 votaram favoráveis, dois se abstiveram e oito estavam ausentes na hora da votação.

- Continua depois da publicidade -

Para o líder da oposição, Marcos Henriques (PT), a concessão é ilegal porque não contou com a aprovação de 2/3 do plenário da CMJP.

“Esta concessão é ilegal por ferir a lei orgânica do município, que exige 2/3 de aprovação do plenário da Câmara e o homenageado precisa ter concedido relevantes serviços ao município. Que relevantes serviços são esses? A destruição da previdência? O sucateamento das empresas públicas? O desmonte de todos os programas sociais que atendem a população do nosso Estado? Definitivamente, vejo esta concessão como um erro e iremos a justiça para revogar esta decisão!”, disparou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar