Sousa vence o Treze no Marizão e assume vice-liderança do Paraibano

Com o triunfo, o Dinossauro do Sertão também manteve o tabu de não perder em casa para o rival desde 2010

Com clima chuvoso no sertão, Sousa e Treze deram sequência a quinta rodada do Campeonato Paraibano de 2021 se enfrentando no estádio Marizão. O jogo era equilibrado e com poucas oportunidades até que Dentinho marcasse na primeira metade do segundo tempo, depois veio uma pane do Galo e o placar de 1 a 0 ficou barato pelo volume criado pelo Dinossauro do Sertão, que assumiu a vice-liderança e mantém um tabu de não perder em casa para o rival desde 2010.

Sem ser inscrito no BID, Índio Ferreira, contratado como técnico dos donos da casa, não pôde estar no banco de reservas, e o auxiliar Tardelli Abrantes ficou na beira do gramado. Dentro de campo, o esmeraldino veio com uma mudança significativa, a entrada de Wesley Soares no time titular na vaga de Rodrigo Poty. No alvinegro, bastante desfalcado, Adriano Alves, Bruce, João Ananias e Iago Martins substituíram Rômulo, Jairinho, Darlan e Vitor, respectivamente.

Os visitantes começaram mais animados para ir ao ataque. Antes dos 10 minutos, João Leonardo e Emerson arriscaram cada um uma vez da intermediária, mas Ricardo não teve problemas para defender os arremates.

O Dinossauro perdeu uma chance incrível aos 14 minutos. Juninho cruzou da direita para Dentinho, que chegou livre na segunda trave para só completar para o gol, mas o toque de perna esquerda acabou espanando e mandando a direita da meta trezeana.

Em uma cobrança de falta de muito longe, mais uma vez o Sousa quase abre o placar. Aos 32 minutos, Liniker encheu o pé direito e Jeferson só torceu para que ela não entrasse, e deu certo, pois a pelota passou a direita de sua trave.

Segundo tempo

O Galo começou a segunda etapa indo para cima e logo aos 2 minutos, após cruzamento de Emerson da direita, Iago Martins desviou de cabeça e Romeu, na pequena área, bateu de direita, pronto para fazer o gol, mas Ricardo conseguiu desviar o chute a queima-roupa, e a bola foi por cima do gol.

A resposta do Sousa veio aos 9 minutos. Liniker cobrou falta da meia esquerda e soltou o rojão de perna direita, Jeferson se esticou todo, mas a bola passou tirando tinta da trave.

E o gol saiu aos 15 minutos. Juninho fez ótima jogada pelo meio, passou pelos marcadores e enfiou a bola para Dentinho, que driblou Jeferson e tocou para o gol vazio, abrindo o placar no Marizão.

Cinco minutos mais tarde, por pouco não sai o segundo dos donos da casa. Wesley Carioca encontrou Natalício na risca da meia-lua, o camisa 10 bateu de primeira, de pé direito, com categoria, e a bola explodiu no travessão trezeano, e por pouco não caiu dentro do gol.

Logo na sequência, Dentinho recebeu na entrada da área, limpou da direita para a esquerda e soltou o tirambaço, obrigando Jeferson a intervir mais uma vez para salvar o Treze.

E só dava Sousa. Aos 38, Juninho bateu de direita da frente da área e o arqueiro do Galo se jogou no canto esquerdo para espalmar a bola para escanteio.

Com a vitória, o Sousa chegou aos 10 pontos e assume a vice-liderança do Paraibano, com um ponto a menos que o líder Botafogo-PB. O Dinossauro do Sertão volta a campo na quinta-feira (20), quando enfrentará o São Paulo Crystal, no estádio Almeidão, às 20h. O Treze fica na quarta colocação, com 7 pontos, faltando duas rodadas para o fim da primeira fase, lembrando que só os dois primeiros conseguem vaga direta para a semifinais. O Galo enfrenta a Perilima, já na terça-feira (18), às 20h, no estádio Amigão, em Campina Grande.

Do Voz da Torcida