Soldado da PM acusado de venda ilegal de anabolizantes é encaminhado ao 1° Batalhão

O policial militar Alexandre Gomes, preso pela Polícia Federal acusado de vender anabolizante na sua própria academia foi levado na manhã desta sexta-feira (19) para o 1° Batalhão após passar por audiência de custódia no Fórum Criminal da Capital.

O soldado da PMPB foi alvo da Operação Jotunheim, da Polícia Federal, deflagrada ontem, na Paraíba. Contra o policial Alexandre Gomes pesam as suspeitas pelos crimes de comercialização, falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de anabolizantes.

A prisão em flagrante foi convertida em prisão preventiva. O policial vai ficar detido no 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em João Pessoa. Com Paraíba.

Comente