Sedurb-JP abre sindicância para apurar agressão de agentes a vendedor de frutas no Róger

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb-JP) abriu, nesta sexta-feira (29), sindicância para apurar a conduta de agentes de remoção agrediram um vendedor de frutas no bairro do Róger, na última quarta-feira (27).

De acordo com o secretário Zennedy Bezerra, a sindicância vai apurar a situação pontual para que tudo seja esclarecido. “A nossa intenção é verificar o fato. Com a evidência dos fatos, as responsabilidades serão cobradas, podendo chegar até ao afastamento dos profissionais”, apontou. Bezerra alertou, ainda, que o ambulante Wellington Raul Silva teve todos os cuidados assegurados por assistentes sociais e médicos, que atestaram seu bom estado de saúde.

+ PT de João Pessoa denuncia ‘gestão intolerante’ da Sedurb e pede exoneração de Zennedy Bezerra

O órgão garante que a orientação é o cumprimento de todas as ações tendo o diálogo como princípio. Nos casos em que existe reação ou exaltação, a recomendação é conter, sem violência por nenhuma das partes.

Em relação aos vendedores ambulantes, a Sedurb-JP informou que tem feito o cadastramento dos profissionais para fazer o encaminhamento a espaços adequados, a exemplo do acordo firmado na Rua Treze de Maio. “Essa foi a conduta em casos como o Parque da Lagoa, quando foram implantados novos quiosques, dando mais conforto a quem compra e quem vende. O mesmo será feito com o novo Shopping Popular, que será construído em área central da cidade, no antigo prédio das Nações Unidas”, disse.

Confira a agressão: