Saiba se é mais vantajoso abastecer com gasolina ou etanol, na Paraíba

Informações foram divulgadas pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, que apurou preços em postos de todo o Brasil entre os dias 9 e 15 de outubro de 2022

O valor médio cobrado pelo litro de gasolina subiu pela primeira vez em 16 semanas e alcançou R$ 4,86 (+1,5%). Ao mesmo tempo, o preço do álcool combustível aumentou 1,8%, de R$ 3,40 para R$ 3,46.

Com a alta maior no valor do etanol, apenas os motoristas que param para abastecer seus veículos flex nos estados de Goiás, Mato Grosso, Paraíba e São Paulo levam vantagem ao optar pelo biocombustível no lugar da gasolina.

As informações foram divulgadas pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) na segunda-feira (17).

A conta considera que abastecer com etanol só vale a pena quando o valor do combustível custar menos do que 70% do preço cobrado pela gasolina. A análise leva em conta que o veículo abastecido com álcool gasta mais litros para percorrer a mesma distância equivalente ao volume utilizado de gasolina.

Os valores divulgados nesta reportagem são referentes aos preços apurados pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) em postos de todo o Brasil na semana entre os dias 9 e 15 de outubro de 2022.