Ricardo sobre transição de governo: “vai ser a mais pacífica. Diferentemente daquilo que eu tive”

Faltando três meses para encerrar o seu 2º mandato como governador da Paraíba, totalizando oito anos, Ricardo Coutinho (PSB) já fala faz análises, comparações e balanços do seu período à frente do cargo máximo do Executivo estadual.

De acordo com o socialista, a transição será “pacífica” para o seu sucessor.

Publicidade
ALPB

“Vai ser a mais pacífica transição. Diferentemente daquilo que eu tive, eu vou entregar um estado organizado”, afirmou.

Ricardo comentou ainda sobre o seu futuro pós-governo da Paraíba. Ele disse que deverá voltar a exercer suas funções como funcionário público da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

“Eu tenho que reassumir o meu lugar na universidade e tocar a vida. O que vai vir, eu não sei. Sei que tenho certa obrigação de participar dessa disputa entre civilização e barbárie. Isso é muito sério”, lembrou, indicando seu engajamento nessas eleições.

As falas do gestor se deram durante entrevista ao programa ‘Rádio Verdade’, da Arapuan FM.

 

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]