RC rebate Romero, aponta destruição do São João de CG e dispara: ‘o que Ronaldo diria se estivesse vivo?’

O governador Ricardo Coutinho (PSB) rebateu as críticas do prefeito Romero Rodrigues (PSDB) relacionadas a atuação do Governo do Estado no Maior São João do Mundo, em Campina Grande. As declarações foram dadas durante entrevista ao programa Conexão Master, nesta segunda-feira (03).

Na semana passada, o prefeito tucano apontou que “enquanto o Governo de Pernambuco ajuda o São João, o daqui persegue” e ainda criticou a atuação das polícias Militar e Civil na segurança da festa.

Publicidade
ALPB

“Eu compreendo o inferno astral que o prefeito Romero tem passado. Mas eu também acho que a gente colhe aquilo que planta. Na essência, se acabou com a maior expressão cultural desse Estado. Fizeram uma engenhoca, diminuíram o espaço público, destruíram a raiz cultural. E em nome de que? Sinceramente, de negócios”, declarou.

Ricardo também rebateu o discurso de que o Governo do Estado deveria investir financeiramente no São João de Campina Grande, algo que é uma das maiores críticas de Romero ao longo dos anos.

“Aí o prefeito de Campina Grande fica se justificando, com essa ladainha de que o Governo não ajuda. Eu não vejo prefeito de Bananeiras lamentar que o Governo não ajuda ou dá dinheiro para o São João da cidade ou a prefeita de Monteiro ficar lamentando que o Estado não dá dinheiro. Ou até mesmo de Cajazeiras. Não fazem. São João é uma festa municipal, faça a sua festa. Como é que uma cidade do tamanho e da importância de Campina Grande, que é uma cidade industrializada e forte, a prefeitura não consiga bancar um São João? Isso é terrível”, afirmou.

 

 

 

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]