Queiroga revoga a nomeação no MS de médica defensora da cloroquina

Mara Regina Pezzino apareceu como signatária de um documento de 2020 intitulado "Manifesto em defesa da Vida e do tratamento pré-hospitalar da Covid"

Não uso de máscaras: governador vê retaliação de Bolsonaro a Queiroga
Ministro Marcelo Queiroga - Foto: Sérgio Lima

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, recuou da decisão de nomear Mara Regina Pezzino para o cargo de diretora-geral do Hospital Federal de Ipanema, no Rio de Janeiro.

A médica defende o tratamento precoce contra a Covid-19. Ela apareceu como signatária de um documento de 2020 intitulado “Manifesto em defesa da Vida e do tratamento pré-hospitalar da Covid”, que defende o uso de cloroquina.

A nomeação, que havia sido publicada no Diário Oficial, foi revogada com uma nova portaria nesta quarta-feira.

Do Brasil 247