Publicidade
Papo Jovem

Qual o perigo de um povo sem ideologia?

Faz alguns dias que essa pergunta não encontra resposta em meus pensamentos!

- Continua depois da publicidade -

Recentemente eu conversava com uma pessoa que, para governador do seu estado, votou num candidato declaradamente da esquerda e, para presidente, noutro da direita. Aí foi que a interrogação ficou maior.

Ele me disse que votou no governador esquerdista porque “mesmo sendo defensor de Lula”, foi o político que mais benfeitorias havia feito pelo seu estado. Do mesmo modo, seu candidato a presidente poderia vir a ser esse político auspicioso para o povo brasileiro.

Sendo assim, eu cogitei a seguinte hipótese: melhor que o povo não tenha ideologia porque, só assim, votará em bons políticos, levando em consideração não o que eles creem, mas as suas atitudes, programas e obras. No entanto, a faca pode ser de dois gumes.

Um povo que vota sem ideologia pode ser facilmente enganado e ludibriado pelo político que enxerga a política como profissão e carreira que precisa ser corrida, estendendo-se, inclusive, a parentes seus, para seu sustento e sobrevivência de uma vida de luxo, bem melhor do que a grande maioria dos seus eleitores.

Antoine Destutt de Tracy, filósofo, durante a Revolução Francesa, criou o termo “idéologie”, significando a ciência das ideias, incluindo as políticas e econômicas, referindo-se ao estado das coisas. Sendo assim, ser ideológico, bem rasteiramente, seria alguém que pensa, logo formula ideias sobre as coisas ao seu redor.

Portanto, eu consigo, sendo ideológico, determinar o que eu quero para mim e para a coletividade, mesmo que isso leve a uma discussão também coletiva, com o restante do povo. Essa ‘capacidade’ certamente dissolve as correntes da ignorância que acorrentaram o povo pelos séculos.

O perigo de um povo sem ideologia é continuar votando e elegendo representantes que não têm compromisso com o bem comum ou até mesmo com suas próprias crenças!

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Fechar
Fechar