Professoras e professores LGBTQ+ falam sobre suas experiências docentes em documentário

Docentes, de diversos níveis de ensino, compartilham motivações que levam à escolha da docência e os desafios de ser um profissional abertamente LGBTQ+

Produzido de forma remota pela drag queen Friday Manson, em seu canal Delta Drag, o documentário “Má Influência” traz depoimentos de professores e professoras sobre vivências enquanto pessoas abertamente LGBTQ+ no universo da docência.

No documentário, 22 professores e professoras, de diversos níveis de ensino, compartilham motivações que levam à escolha da docência e os desafios de ser um profissional abertamente LGBTQ+, rebatem a ideia de serem vistos e tratados como má influência pela sociedade e relatam vivências de caráter homotransfóbico no espaço escolar. Em meio as participações temos nomes como a atriz do premiado filme Bacurau Danny Barbosa e dois professores e drag queens que ganharam a mídia em 2016, Jonathan Chasko/Sofia Ariel, e em 2017,  Luis Lima/Friday Manson, por terem feito intervenções em suas escolas ao irem dar aulas montados.

Esse documentário é o quinto de uma série chamada “26 Horas”, que traz discussões referentes ao Dia Internacional de Combate à LGBTfobia. A série de vídeos é intitulada “26 Horas” em referência à estatística presente no relatório do Grupo Gay da Bahia de 2020, que mostra que, a cada 26 horas, uma pessoa LGBTQ+ é vítima de assassinato homotransfóbico ou comete suicídio no Brasil. Nos documentários anteriores, foi discutida a importância do combate à  LGBTfobia, o bullying LGBTfóbico para com crianças e jovens na escola e a LGBTfobia no mercado de trabalho.

“Toda a produção dos documentários se deu de forma remota e independente, por meio de compartilhamento e envio de materiais online, um desafio para a produção de conteúdo nesse momento de pandemia. Até o fim do mês de junho, haverá o lançamento dos dois últimos documentários da série no canal”, afirma Friday.

O “Delta Drag”é um canal que busca comunicar-se por meio de pautas sobre Direitos Humanos, universo LGBTQI+, diversidade cultural e educação pública. Facilmente encontrado no YouTube ao se pesquisar “Delta Drag”, semanalmente vídeos novos são publicados nos diversos quadros que o canal apresenta.

Sobre o canal Delta Drag

O que um canal no Youtube criado por um professor de química que também é dragqueen tem a oferecer? Que tipo de conteúdo um canal como esse apresentaria? Será que não é muita informação tudo isso? Tais perguntas vêm sendo respondidas por Luis Lima, ou diria sua persona artística Friday Manson, há três meses, através do Delta Drag, seu canal no YouTube que aborda temática que envolvem educação e diversidade.

A proposta do canal é comunicar-se com pessoas interessadas em pautas sobre direitos humanos, universo LGBTQI+, diversidade cultural e educação pública. Para além da série de documentários, o canal já abordou temas como a sexualidade que é ensinada na escola, o descaso que a escola pública no Brasil vive, esclareceu o que a direita conservadora chama de “Ideologia de Gênero”, expôs as intenções por trás do combate a educação para direitos humanos na escola e chamou a atenção para o problema da saúde mental e psicológica dos professores no Brasil e recentemente a questão da das problemáticas relacionadas com a ideia de sucesso que é difundida em nossa sociedade.

Serviço

Canal no Youtube

Playlist com os documentários

Comente